Você está aqui: Página Inicial > Comitiva chinesa prospecta negócios na ZFM

Notícias

Comitiva chinesa prospecta negócios na ZFM

Equipe da província de Shandong - segunda maior população da China - esteve na SUFRAMA em busca de novos negócios com a região amazônica

por Layana Rios publicado: 02/10/2015 16h05 última modificação: 02/10/2015 16h05

Uma delegação da cidade de Jinan, capital da província de Shandong, na China, visitou a sede da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), nesta segunda-feira (14), com o objetivo de conhecer mais sobre o modelo Zona Franca de Manaus (ZFM) – sobretudo no setor agropecuário –, além de estreitar relações de parceria e prospectar possibilidades da instalação de novas empresas no parque fabril da capital do Amazonas.

Liderada pelo vice-prefeito da cidade, Li Kuanduan, a comitiva foi recepcionada pelo superintendente em exercício, José Adilson Vieira, e por técnicos de diversas áreas da autarquia, como Projetos Industriais, Estudos Econômicos, Comércio Exterior e Comunicação. “Já temos uma grande participação da China por aqui, com várias empresas no Polo Industrial de Manaus e é sempre do nosso interesse aumentar essa parceria”, afirmou o superintendente.

O vice-prefeito Li Kuanduan disse ter interesse na Zona Franca de Manaus pelo fato do modelo já operar há muito tempo e se configurar como um caso bem-sucedido no Brasil. A província de Shandong tem a segunda maior população da China, com 90 milhões de pessoas e tem o quarto maior comércio do país. Somente em Jinan, segundo ele, a produção industrial é de trilhões de dólares. “Queremos saber mais para promover a indústria da China, especialmente de Shandong, para algum negócio em Manaus”, afirmou.

A coordenadora-geral de Estudos Econômicos e Empresariais da SUFRAMA, Ana Souza, fez uma apresentação à delegação chinesa, falando sobre a área de abrangência do modelo ZFM, os incentivos fiscais concedidos, os principais segmentos do Polo Industrial de Manaus e ainda os projetos voltados à agropecuária - de maior interesse da comitiva. “O Distrito Agropecuário da SUFRAMA tem empreendimentos com produção da caprinocultura, avicultura, citricultura -com laranja, abacaxi e tangerina -, piscicultura, entre outros diversos produtos”, elencou.

FIAM
A equipe da SUFRAMA aproveitou a oportunidade para fazer o convite para a oitava edição da Feira Internacional da Amazônia (FIAM), marcada para os dias 18 a 21 de novembro. “É uma ótima oportunidade para aproximar os empresários chineses da realidade da Zona Franca, nós temos muitas empresas no segmento agropecuário que estarão presentes na Feira e seria uma oportunidade de trazer os empresários da China para realizar essas negociações”, afirmou Ana Souza.