Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Acadêmicos dos EUA conhecem a ZFM

Notícias

Acadêmicos dos EUA conhecem a ZFM

Visita dos estudantes é parte de intercâmbio para conhecer o Brasil e seus principais polos econômicos.
por Layana Rios publicado: 22/05/2019 07h56 última modificação: 22/05/2019 09h07

A Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) recebeu, nesta terça-feira (21), no auditório Floriano Pacheco, uma comitiva de 30 alunos da Universidade de Illinois, que vieram conhecer os incentivos fiscais do modelo Zona Franca de Manaus (ZFM).


O intercâmbio faz parte de um programa da Universidade de Illinois em parceria com a Campus B, startup brasileira que atua na área de intercâmbios acadêmicos. “São os 30 melhores alunos da Gies College of Business, que ganham uma viagem como forma de incentivar esses jovens talentos. O objetivo deste intercâmbio é conhecer a economia do Brasil, por isso estivemos em São Paulo, Rio de Janeiro e, agora, Manaus”, explicou o coordenador do grupo pela Campus B, João Oliveira.


A comitiva foi recepcionada pelo técnico da coordenação-geral de Comércio Exterior, Arthur Lisboa, e a técnica da coordenação-geral de Estudos Econômicos e Empresariais, Rosângela Alanis, que apresentaram um vídeo institucional sobre o trabalho da Suframa e abordaram, resumidamente, o histórico do modelo Zona Franca de Manaus, os incentivos fiscais e a área de abrangência, bem como as vantagens comparativas do Polo Industrial de Manaus (PIM), da Amazônia Ocidental e das Áreas de Livre Comércio. “A concentração da indústria em Manaus gerou uma alternativa econômica que teve como efeito a preservação de 97% da floresta do Amazonas”, explicou Lisboa.


Esta é a primeira vez que a Universidade escolheu vir a Manaus e o modelo Zona Franca de Manaus, junto da experiência amazônica, foram determinantes para a escolha da cidade no intercâmbio. “Eles são estudantes de honra, todos de Business, e uma das razões que escolhemos Manaus foi para ter a experiência da floresta amazônica. Essa é a minha sexta vez no Brasil e eu ainda não conhecia esse modelo que é tão importante para a economia brasileira. E é isso que nós queremos, dar aos estudantes uma imagem clara dos negócios e da economia no Brasil para que eles possam aprimorar a visão deles de mundo e se tornarem profissionais cada vez mais completos”, afirmou o diretor da Gies College of Business, Dan Anderson.

registrado em: , ,