Você está aqui: Página Inicial > Notícias > ALC de Brasileia e Epitaciolândia recebe a 2ª Semana de Educação Fiscal

Notícias

ALC de Brasileia e Epitaciolândia recebe a 2ª Semana de Educação Fiscal

Evento faz parte de um projeto voltado, principalmente, a microempreendedores individuais, microempresários, empresários de pequeno porte, artesãos e potenciais empreendedores, dentre outros.
por Márcio Gallo publicado: 27/09/2019 16h09 última modificação: 27/09/2019 17h50

A Área de Livre Comércio de Brasileira e Epitaciolândia (ALCBE), no Acre, sedia, até esta sexta-feira (27), a 2ª Semana de Educação Fiscal & Benefícios da Amazônia Legal. O evento, capitaneado pela Coordenação Regional da Suframa em Rio Branco (CoreRBR) e realizado por meio de uma parceria entre a Autarquia, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Acre (Sebrae-AC) e a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Acre (Fecomércio-AC), ocorre desde o dia 24 na sede local do Sebrae e faz parte de um projeto voltado, principalmente, a microempreendedores individuais, microempresários, empresários de pequeno porte, artesãos e potenciais empreendedores, dentre outros.

Esta é a terceira vez que o evento é realizado e a segunda vez que ocorre em Brasileia e Epitaciolândia, que já sediou a Semana de Educação Fiscal em julho. Em agosto, foi a Área de Livre Comércio de Cruzeiro do Sul a beneficiada pela iniciativa, que visa a abordar assuntos como o cadastramento de empresas (pré-requisito para o usufruto de benefícios concedidos a áreas incentivadas do modelo Zona Franca de Manaus); diferenças entre Amazônia Ocidental (Amoc), Áreas de Livre Comércio e Zona Franca Verde (ZFV); e quais os diferenciais tributários praticados na área de abrangência da Suframa. O novidade, desta vez, é que além dos temas comuns ao projeto, foi divulgado aos participantes o novo Sistema de Ingresso de Mercadoria Nacional (SIMNAC), desenvolvido pela Suframa e que passa a vigorar no dia 21 de outubro.

"Esse espaço junto aos principais usuários dos serviços da Suframa é importante para debater sobre os temas base da Autarquia e levar conhecimento àqueles que contribuem com o crescimento socioeconômico de nossa região", ressaltou o chefe operacional da Suframa na ALCBE, Onassis Luciano, que ainda reforçou que "o evento potencializa a atuação da Autarquia e nos permite, neste momento, esclarecer sobre o novo sistema de mercadorias nacionais, que é utilizado por mais de cem mil empresas de todo o País".

Para orientar sobre o SIMNAC, Luciano destacou que foi realizada uma capacitação que reuniu representantes de todas as coordenações regionais da Suframa, entre os dias 16 e 20 de setembro, em Manaus. "Na oportunidade, foi apresentado tudo sobre o novo sistema, que automatizará o fluxo do ingresso de mercadoria nas áreas incentivadas administradas pela Suframa, tornando mais moderna a gestão dos fluxos de trabalho no processo de internamento das mercadorias nacionais", disse.

Doação
Para participar do evento realizado em Brasileia e Epitaciolândia, os interessados precisaram levar 1kg de alimento não-perecível, que será doado a instituições sociais. "É uma forma que encontramos de apoiar ainda mais a sociedade local", finalizou Luciano.