Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Bens de Informática em ascensão no PIM

Notícias

Bens de Informática em ascensão no PIM

Faturamento do setor no primeiro bimestre de 2013 alcançou o valor recorde de R$ 5 bilhões.
por Diego Queiroz publicado: 05/04/2013 14h40 última modificação: 07/03/2016 12h58

O segmento Eletroeletrônico (incluindo bens de informática) do Polo Industrial de Manaus (PIM) faturou no primeiro bimestre de 2013 o valor recorde de R$ 5 bilhões (US$ 2.5 bilhões), o que representa um crescimento de 21,85% (6,78% em dólar) em relação ao mesmo intervalo do ano passado. Convalidando esse resultado, o desempenho especificamente do subsetor de Bens de Informática foi destaque entre janeiro e fevereiro. Além de alcançar faturamento de aproximadamente R$ 1,2 bilhão (US$ 617 milhões), valor 36,03% (19,10% em dólar) superior ao do primeiro bimestre de 2012, o segmento verificou crescimento expressivo na fabricação de tablets, microcomputadores (tanto desktops quanto portáteis) e aparelhos receptores de posicionamento global por satélite (GPS).

No caso dos tablets, a produção no primeiro bimestre de 2013 (161.212 unidades) praticamente já alcançou a produção total do item registrada em 2012 (197.616 unidades). Os microcomputadores também tiveram indicadores positivos. Enquanto os laptops e notebooks registraram produção no bimestre de 117.953 unidades e crescimento de 46,36% em relação ao mesmo período do ano passado, os computadores de mesa tiveram resultados ainda mais destacados, com fabricação de 54.017 unidades e crescimento de 136,53% na comparação com igual intervalo de 2012. Os aparelhos GPS, por sua vez, registraram produção de 53.722 unidades e alcançaram crescimento de 79,12% em relação a janeiro e fevereiro de 2012.

De acordo com o superintendente da SUFRAMA, Thomaz Nogueira, o polo de Bens de Informática da Zona Franca de Manaus tem despertado interesse crescente em investidores e é um segmento no qual a autarquia aposta muito neste ano. “Nos últimos anos, por conta das vantagens comparativas do PIM e do ambiente propício e estável da Zona Franca de Manaus para negócios, o polo Eletroeletrônico, com destaque para Informática, tem contado cada vez mais com investimentos para diversificação de linhas de produção. Um ótimo exemplo é a fabricação de tablets. Nossa expectativa para este bem é que, em 2013, a produção ultrapasse a marca de um milhão de unidades”, afirmou Nogueira.