Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Camex e SUFRAMA realizam I Encontro Estadual do Grupo Técnico de Facilitação do Comércio

Notícias

Camex e SUFRAMA realizam I Encontro Estadual do Grupo Técnico de Facilitação do Comércio

O encontro teve o objetivo de discutir os entraves para o desenvolvimento do comércio exterior brasileiro e reunir propostas para elevar a competitividade da indústria, do comércio e do setor de serviços e turismo do País.
publicado: 01/10/2009 00h00 última modificação: 13/05/2016 16h16

O Grupo Técnico de Facilitação do Comércio (GTFAC), órgão de assessoramento técnico do Conselho de Ministros da Câmara de Comércio Exterior (CAMEX), realizou nesta quinta-feira (1º/10), em parceria com a Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), o I Encontro Estadual do Grupo Técnico de Facilitação do Comércio, reunindo dezenas de representantes de órgãos federais e entidades vinculadas à indústria e ao setor de comércio e de serviços da Zona Franca de Manaus (ZFM).

O encontro, realizado na sede da SUFRAMA, teve o objetivo de discutir os entraves para o desenvolvimento do comércio exterior brasileiro e reunir propostas para elevar a competitividade da indústria, do comércio e do setor de serviços e turismo do País, com foco inicial dos debates, sobretudo, nas demandas formuladas pelas entidades representativas da ZFM.

Além da presença de dirigentes de órgãos federais ligados à CAMEX, órgão integrante do Conselho de Governo, o evento contou com a participação de entidades representativas estaduais, tais como a Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), Centro das Indústrias do Estado do Amazonas (Cieam), Associação Comercial do Amazonas (ACA) e Federação do Comércio do Estado do Amazonas (Fecomércio/AM).

CAMEX
A secretária-executiva da CAMEX, Lytha Spíndola, destacou a contribuição das entidades locais nas discussões e disse que as demandas apresentadas pelo setor privado convergiram com as propostas que já estão sendo discutidas pelos órgãos de governo. A secretária-executiva afirmou que os esforços possibilitarão ao Brasil tornar-se cada vez competitivo no comércio internacional, aperfeiçoando os mecanismos de controle e desburocratizando as operações de importação e exportação sem comprometer a eficácia dos processos e os controles necessários.

“O Brasil se prepara cada vez mais para atender aos pré-requisitos e facilitar o comércio internacional”, destacou Lytha. Segundo ela, medidas de facilitação de comércio são cada vez mais necessárias para manter o crescimento do comércio exterior e melhorar a competitividade das empresas brasileiras. Essas medidas, dentre outros objetivos, visam tornar mais rápida a liberação de mercadorias, eliminar exigências desnecessárias, aprimorar a gestão de risco e conferir tratamento preferencial para operadores que apresentam bom histórico de cumprimento de suas obrigações.

Ela disse ainda que as expectativas são extremamente positivas para o comércio exterior brasileiro, sobretudo nos próximos dois anos, quando mais de R$ 70 bilhões deverão ser investidos para aumentar a capacidade competitiva e de infraestrutura no setor. “Logística é fator crítico de competitividade. Além das obras previstas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), outras iniciativas do Governo Federal, inseridas principalmente na Política de Desenvolvimento Produtivo (PDP), têm contribuído para desonerar a produção e facilitar o acesso às linhas de financiamento, fortalecendo, assim, a indústria nacional”, pontuou a secretária-executiva da CAMEX.

A superintendente da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), Flávia Skrobot Barbosa Grosso, destacou que o evento, pioneiro no Brasil, reuniu subsídios para dar continuidade às ações do Governo Federal na desburocratização e facilitação das operações de importação e exportação do Polo Industrial de Manaus. “As discussões resultaram em importantes propostas que visam ao fortalecimento das relações de comércio exterior do PIM, conferindo maior competitividade aos produtos fabricados na Zona Franca de Manaus”, afirmou a superintendente.

 

registrado em: ,