Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Classe empresarial conhece proposta de gestão para a SUFRAMA

Notícias

Classe empresarial conhece proposta de gestão para a SUFRAMA

Durante a 2ª Reunião Ordinária da Fieam em 2019, Alfredo Menezes se apresentou formalmente ao empresariado local e destacou alguns de seus objetivos à frente da Autarquia.
por Márcio Gallo publicado: 21/02/2019 20h40 última modificação: 26/02/2019 11h49

A Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam) realizou na noite desta quinta-feira (21) a 2ª Reunião Ordinária da entidade em 2019. O titular da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), Alfredo Menezes, aproveitou a oportunidade para formalmente se apresentar como novo superintendente da Autarquia a todos os representantes empresariais presentes e abordou sua trajetória pessoal que o levou a assumir o cargo de dirigente máximo da SUFRAMA.

Menezes ainda explicou como se dará sua atuação à frente do órgão federal, em conformidade com as orientações dadas a ele pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o titular da Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade (Sepec), Carlos da Costa. "O presidente (Jair Bolsonaro) já afirmou que esse modelo (ZFM) é intocável, é importante. É um modelo de sucesso que promove desenvolvimento, tem alcance social, reflexos no meio ambiente, dentre tantos outros benefícios", informou Menezes.

O superintendente ainda destacou o compromisso que a nova equipe gestora da SUFRAMA tem e terá com cada segmento produtivo nos quais a Autarquia está inserida, bem como a experiência de cada nome para realizar uma administração voltada ao desenvolvimento com produtividade e ganho para toda a sociedade. "Vamos trabalhar diuturnamente com objetivos definidos. Gostaria de contar com a colaboração, as orientações de todos vocês e saibam todos que podem contar conosco", acrescentou.

Antônio Silva, presidente da Fieam, declarou que todos têm interesse pelo sucesso da atual administração da SUFRAMA, "um órgão de fomento muito importante para o nosso Estado. Temos a missão de darmos as mãos e defendermos o desenvolvimento regional".