Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Comércio do Amazonas deposita confiança na SUFRAMA

Notícias

Comércio do Amazonas deposita confiança na SUFRAMA

Durante reunião com dirigentes e representantes do segmento comercial do Amazonas, CDL e SUFRAMA debateram temas oportunos que visam à retomada do setor que já foi um dos mais representativos do Estado, em especial na década de 1980.
por Márcio Gallo publicado: 27/03/2019 18h25 última modificação: 27/03/2019 19h34

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDLM) reuniu empresários e investidores do setor comercial, nesta quarta-feira (27), para um encontro com o titular da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), Alfredo Menezes, na sede da entidade. Na ocasião, foram debatidos temas oportunos que visam à retomada do segmento que já foi um dos mais representativos do Amazonas, em especial na década de 1980.

O evento contou com a presença do presidente da entidade, Ralph Assayag, do presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Amazonas (FCDL-AM), Ezra Benzion, do presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), Antonio Silva, e do diretor-presidente do Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Amazonas (Ipem-AM), Márcio Brito, o presidente da Junta Comercial do Estado do Amazonas (Jucea-AM), Ênio Ferrarini, e o deputado estadual Adjuto Afonso.

Ralph Assayag deu as boas vindas ao superintendente e desejou sucesso nessa etapa frente à Autarquia. "Tenho certeza que todos teremos a ganhar com essa nova gestão da SUFRAMA. Seja bem recebido por todo o comércio. Bem recebido por, pelo menos, 385 mil trabalhadores de carteira assinada no Estado do Amazonas e por aqueles que ainda não conseguiram ingressar na formalidade do segmento, que, segundo o IBGE, são mais 110 mil pessoas", frisou.

O presidente da FCDL-AM afirmou entender o desafio que assume agora o superintendente da SUFRAMA e exaltou o ponto de vista exposto por Alfredo Menezes ao tomar posse no cargo. "Chamou a atenção que o superintendente disse que ia priorizar o distrito agropecuário e o comércio. Posso dizer que nesses últimos 15 anos, pelo menos, não lembro de nenhum superintendente ter citado o comércio. E esse segmento representa cerca de 56% de arrecadação de ICMS no Estado", destacou Benzion. Ele disse, ainda, que o comércio é o segmento que absorve uma ampla diversidade de mão de obra e deve ser visto com a devida atenção.

O superintendente da SUFRAMA agradeceu todo o apoio prestado pelos presentes e fez questão afirmar total apoio ao resgate do setor na Zona Franca de Manaus (ZFM) e de ressaltar o discurso do ministro da Economia, Paulo Guedes, em recente encontro que tratou, dentre outros assuntos, sobre a ZFM. "A Zona Franca é intocável. De lá nada se tira. Apenas acrescenta-se ou melhora-se", pontuou, lembrando que todos os segmentos do modelo de desenvolvimento regional são importantes por gerarem benefícios sociais de grande importância.

Antonio Silva declarou ao titular da SUFRAMA que "seu êxito é o nosso êxito. Precisamos de uma SUFRAMA revitalizada para que todos saiamos fortalecidos. Todos devemos agregar para evoluirmos".

registrado em: ,