Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Conversor popular fabricado na ZFM tem tecnologia nacional

Notícias

Conversor popular fabricado na ZFM tem tecnologia nacional

Equipamento mostra que PIM já tem base tecnológica para desenvolver e produzir equipamentos de ponta.
publicado: 15/07/2008 00h00 última modificação: 20/07/2016 17h51

A série de conversores de sinal digital para TV (set-top box) lançada pela empresa Proview demonstra que o Pólo Industrial de Manaus (PIM) já tem base tecnológica para desenvolver e produzir equipamentos de ponta, com alto valor agregado e a preços acessíveis. É o que afirmou a superintendente da Zona Franca de Manaus, Flávia Grosso, durante solenidade realizada no Hotel Intercontinental, em São Paulo, nesta terça-feira, 15.

O evento contou com a presença do ministro das Comunicações, Hélio Costa, do governador do Amazonas, Eduardo Braga, da superintendente da Suframa, Flávia Grosso, do presidente da Proview, Tseng Ling Yun, e de vários dirigentes das principais redes de televisão do Brasil.

Na ocasião, o ministro Hélio Costa elogiou a atuação do governador Eduardo Braga, que segundo ele “foi incansável e absolutamente constante na luta por essa conquista”. Ele afirmou que, como o governo estadual já retira todos os impostos é natural que o Governo Federal faça a sua parte e reduza o PIS COFINS, de maneira que o aparelho chegue ao consumidor brasileiro por um preço mais barato. Para o ministro, o conversor popular será o grande "brinquedo" de Natal deste ano e vai gerar uma boa margem de lucro para os comerciantes. O ministro adiantou que o Governo Federal concluiu negociação com o Banco do Brasil e Banco Postal para abertura de financiamento para todos os modelos de conversores da TV digital, disponível para qualquer pessoa, possivelmente dentro de uns 30 dias, em até 32 prestações de R$ 10,14.

Competência amazonense
O governador Eduardo Braga aproveitou para lembrar daqueles que duvidavam da capacidade do brasileiro e do amazonense em desenvolver um produto de alta tecnologia, com preço acessível. "Para nós do Amazonas hoje é um dia muito especial. O Amazonas acaba de dar alguns passos na inovação tecnológica; temos a tecnologia e estamos prontos para atender o mercado brasileiro. O Brasil entra definitivamente na era da TV digital", destacou o governador.

O modelo XPS-1000 da Proview, que deverá chegar ao mercado brasileiro com preço final sugerido de R$ 299 no mercado brasileiro, tem tecnologia nacional e permite a conexão à Internet em qualquer aparelho de TV. O equipamento foi desenvolvido pela empresa em parceria com instituições de pesquisa e universidades do Estado do Amazonas e de São Paulo. “Uma integração que tem gerado resultados bastante positivos e que estimula a SUFRAMA a investir cada vez mais na qualificação de recursos humanos e formação de capital intelectual na região”, segundo a superintendente da SUFRAMA.

Durante o lançamento do XPS-1000, a Proview anunciou outros dois modelos da série de conversores que, muito em breve, estarão disponíveis aos consumidores. “Além de oferecer preços acessíveis, nossa premissa era desenvolver um produto com diferenciais em relação aos já disponíveis no mercado”, afirmou o presidente da Proview do Brasil, Tseng Ling Yun. A estratégia da empresa é lançar uma série completa de conversores para TV digital para atender a todos os perfis de usuários.

Inicialmente a empresa pretende fabricar 20 mil peças mensais do XPS-1000, mas a capacidade produtiva pode quintuplicar, chegando a 100 mil unidades de aparelhos, informou o diretor industrial da Proview, Jorge Cruz. Ele estima um mercado potencial de seis milhões de conversores para TV digital no País, com a expansão gradual do sinal digital. Esta expectativa representa apenas 10% das atuais TVs em funcionamento no Brasil. Além disso, a Proview também pretende produzir conversores para outras marcas, em regime de OEM.

O modelo XPS-1000, que já está sendo negociado pela Proview com sua rede de distribuidores estará disponível para comercialização nas principais revendas e magazines das cidades com sinal digital (São Paulo e região metropolitana, Rio de Janeiro e Belo Horizonte), em até 30 dias. Para complementar a linha XPS, a empresa também pretende lançar uma linha de periféricos para facilitar a navegação na internet, reproduzir músicas e permitir videoconferências.

 

registrado em: , ,