Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Empresários europeus de olho nos atrativos da Amazônia

Notícias

Empresários europeus de olho nos atrativos da Amazônia

Delegação foi à Portugal apresentar as peculiaridades do modelo ZFM.
publicado: 12/09/2013 09h34 última modificação: 18/02/2016 18h29

Como parte das ações estratégicas de atrair novos investimentos para o Amazonas, representantes dos governos municipal, estadual e federal estão reunidos em Lisboa para mostrar a potenciais investidores não apenas as vantagens fiscais e extra-fiscais, mas também as potencialidades regionais dos diversos segmentos da economia amazônica. Fazem parte da delegação, o Superintendente da SUFRAMA, Thomaz Nogueira; o Secretário de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Airton Claudino; a Presidente da Empresa de Turismo do Amazonas, Oreni Braga; e o Prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto.

No encontro, mantido com o Diretor de Turismo da empresa de consultoria internacional AA Consulting Group, Antero Carvalho, foi discutida a possibilidade de implantação do Park Europa, com cinco grandes parques temáticos, 72 unidades hoteleiras e mais de 200 restaurantes, o que representa um investimento de 10 bilhões de euros e geração de 75 mil postos de trabalhos entre diretos e temporários. Para Thomaz Nogueira, é importante nesse momento focar nas principais expectativas e avaliar resultados socioeconômicos, considerando que 32 países europeus estão representados nesse grande projeto, entre eles França, Alemanha, Itália, Espanha e Portugal.

Outra grande expectativa é quanto à consolidação de parceria com a TAP – empresa de aviação portuguesa – para uma linha direta Manaus-Lisboa, o que transformaria o Estado do Amazonas num dos maiores destinos brasileiros para o mercado europeu, contribuindo para o aumento da relação comercial e cultural entre Brasil e Portugal. Na reunião com o Embaixador do Brasil em Lisboa, Mario Vilalva, esse foi um dos principais temas abordados.

Potencialidades
Durante o seminário “Oportunidades de Investimentos no Amazonas”, realizado no Hotel Sana Malhoa, os representantes da comitiva brasileira destacaram a grandeza e as potencialidades da região amazônica, que ainda possui grandes espaços vazios e precisam ser ocupados, aproveitando os recursos naturais de forma racional, a fim de diversificar e consolidar a economia do Estado, além de contribuir para a organização da cadeia produtiva.

Na ocasião, o Superintendente da SUFRAMA apresentou o modelo Zona Franca de Manaus e seu impacto positivo nas aéreas econômica, social e ambiental, aproveitando para fazer um convite aos investidores portugueses presentes ao evento, para que visitem Manaus e participem da sétima edição da Feira Internacional da Amazônia, que será realizada de 27 a 30 de novembro. Presente no seminário, o Diretor Executivo da TAP, Luis da Gama Mor, disse que vem conversando com hoteleiros portugueses na busca de novos investimentos, garantindo que há possibilidade de negócios com o Amazonas, no setor de hotelaria.

Durante debate para aprofundar conhecimentos, um dos participantes portugueses destacou o polo cerâmico da região de Iranduba, no Amazonas, e a possibilidade de estreitar laços com o polo cerâmico de Portugal. Outro participante do seminário também apresentou proposta de realização de um importante evento cultural, em Manaus, envolvendo os oito países de língua portuguesa, em comemoração aos oito séculos da língua portuguesa e a participação de oito cantores, um de cada país, incluindo nomes da música erudita. A proposta foi acatada de imediato pela representante do órgão de turismo do Estado e pelo prefeito de Manaus, que estabeleceram a data de 27 de junho de 2014 para o grande evento internacional, após o encerramento dos jogos da Copa do Mundo, na cidade.

registrado em: , ,