Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Empresas podem contribuir com a revitalização do Distrito IndustriaI

Notícias

Empresas podem contribuir com a revitalização do Distrito IndustriaI

Ideia é incentivar empresas associadas ao Cieam a colaborar com a área que concentra as indústrias do PIM.
por Márcio Gallo publicado: 02/08/2013 11h09 última modificação: 19/02/2016 15h56

Durante reunião realizada esta semana, representantes da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) levaram ao Centro das Indústrias do Estado do Amazonas (Cieam) uma sugestão para que as empresas instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM), associadas à entidade, firmem compromisso de colaborar com a revitalização do Distrito Industrial. A ação na área foi iniciada com a reconstrução das vias promovida pela Secretaria de Infraestrutura do Estado do Amazonas (Seinfra) com recursos federais garantidos pela SUFRAMA e o aval da Prefeitura de Manaus, responsável pela área.

Mesmo com o reconhecimento de que as vias e espaços públicos do Distrito são responsabilidade do poder público municipal, as empresas podem contribuir com o objetivo de tornar a região, que abriga o maior parque fabril de Manaus, uma área completamente recuperada, tornando-a mais atrativas àqueles que lá circulam e trabalham. Assim, além da recuperação das ruas, já em andamento, a proposta é de que as empresas revitalizem seus entornos, recuperando fachadas, passeios e áreas verdes da região.

O Cieam deverá trabalhar na sensibilização das empresas instaladas próximas de rotatórias para garantir a recuperação da área central, visto que as pistas serão recuperadas pela Seinfra, mas não há previsão de revitalização de bancos, monumentos, calçadas ou serviços de capinagem e poda das árvores que, porventura, existam. Desta forma, as empresas se juntam aos esforços dos executivos federal, estadual e municipal para tornar o Distrito Industrial de Manaus novamente a melhor vitrine de investimentos do parque fabril local.

Além de obras físicas, a reunião entre SUFRAMA e Cieam tratou da “ocupação” do calçadão da avenida Ministro Mário Andreazza, via que liga a rotatória da SUFRAMA à BR-319. As empresas devem motivar a realização de atividades esportivas e culturais no espaço – o qual a Prefeitura já manifestou interesse em recuperar.

Obras
No mês de julho, cinco vias do Distrito Industrial I já começaram a receber trabalhos de revitalização em decorrência de convênio assinado no final do ano passado entre a SUFRAMA e o Governo do Amazonas, por meio da Seinfra. As intervenções em cada via incluem, além da pavimentação e recuperação da base, a instalação de meio-fio, calçada e sistema de drenagem e a sinalização vertical e horizontal.

O convênio prevê a recuperação de um total de 28 ruas e avenidas do Distrito Industrial I, bem como a criação de infraestrutura para três novas vias do Distrito Industrial II, também conhecido como Área de Expansão. O pacote completo de obras está orçado em R$ 104,5 milhões, sendo R$ 94 milhões repassados pela SUFRAMA e R$ 10,5 milhões investidos como contrapartida do Governo do Amazonas que, juntos, conseguiram autorização da Prefeitura de Manaus (publicada no Diário Oficial do Município de 3 de janeiro de 2013) para poder atuar na área que é responsabilidade do Município.