Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Inscrições para o 1º Salão de Projetos para Investimentos em Negócios Sustentáveis terminam no dia 30

Notícias

Inscrições para o 1º Salão de Projetos para Investimentos em Negócios Sustentáveis terminam no dia 30

Empresários, inventores, pesquisadores e institutos de tecnologia de todos os Estados da Amazônia Legal, com projetos inovadores e de potencial inserção no mercado, podem se inscrever.
publicado: 24/07/2008 00h00 última modificação: 20/07/2016 17h38

Empresários, inventores, pesquisadores e institutos de tecnologia de todos os Estados da Amazônia Legal, com projetos inovadores e de potencial inserção no mercado, podem se inscrever até a próxima quarta-feira (30 de julho) no 1o Salão de Projetos para Investimentos em Negócios Sustentáveis. O formulário de inscrição e o edital da chamada pública estão disponíveis no site da Feira Internacional da Amazônia (FIAM 2008) – www.suframa.gov.br/fiam.

Promovido pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), o 1o Salão de Projetos será realizado nos dias 11 e 12 de setembro, durante a quarta edição da FIAM, em Manaus. A iniciativa é pioneira no âmbito das organizações públicas da Região e tem o objetivo de servir como ponto de encontro direto entre investidores, empresas, institutos tecnológicos, instituições de ensino e de pesquisa e pesquisadores que tenham projetos ou produtos inovadores, em fase de teste ou prontos para gerar negócios. As inovações apresentadas deverão ter o desenvolvimento sustentável da Amazônia como foco primordial.

O evento será realizado por meio de reuniões entre investidores interessados e pesquisadores e da exposição permanente dos projetos durante a feira. Com ele, fecha-se o ciclo de negócios da FIAM, que conta com exposição de produtos, rodada de negócios, jornada de seminários, rodada de negócios de turismo e mostra técnico-científica.

Segundo a coordenadora-geral de Desenvolvimento Regional da SUFRAMA (CGDER), Eliany Gomes, o processo de seleção das propostas inscritas consistirá nas etapas de pré-qualificação e análise de mérito. Ao final do processo, serão selecionados doze projetos, que estarão aptos a participar do evento e farão parte do portfólio de projetos de investimentos da SUFRAMA em suas ações institucionais. “A Suframa é o primeiro órgão público regional a promover esse tipo de evento. Um dos objetivos da instituição com essa ação é contribuir para a geração de parcerias que permitam a continuidade dos projetos e o desenvolvimento de novos produtos e serviços para o mercado”, afirma.

A Feira Internacional da Amazônia é promovida a cada dois anos pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), por intermédio da SUFRAMA, e faz parte do calendário de eventos do Governo Federal.