Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Intercâmbio educacional com a Suíça pode beneficiar a ZFM

Notícias

Intercâmbio educacional com a Suíça pode beneficiar a ZFM

Especialização da mão de obra nacional seria um dos pontos em destaque do programa.
por Enock Nascimento publicado: 11/02/2014 19h05 última modificação: 15/02/2016 17h44

O embaixador plenipotenciário da Suíça no Brasil, André Regli, visitou, na tarde desta terça-feira (11), a sede da SUFRAMA, onde foi recebido pelo superintendente em exercício, Gustavo Igrejas. Na reunião, o diplomata ouviu um breve histórico do modelo Zona Franca de Manaus (ZFM) e falou sobre a possibilidade de incluir estudantes de Manaus em um projeto de intercâmbio entre Brasil e Suíça para formação e especialização da mão de obra nacional.
“Fechamos o ano de 2013 com valores superiores a R$ 83 bilhões de faturamento e mais de 120 mil empregos diretos. Mas, o que mais gostamos de destacar é que, graças ao funcionamento do modelo, 98% da floresta nativa do Amazonas estão preservadas”, ressaltou Igrejas.

O embaixador suíço falou sobre a excelência técnica da mão de obra suíça, com a maior parte dos investimentos em formação bancados pelas empresas, sem precisar de incentivo do governo. “Isso também explica porque a Suíça tem um baixo percentual de jovens fora do mercado de trabalho”, frisou.

O diplomata falou ainda sobre um projeto de intercâmbio educacional para formação de recursos humanos, que irá ser implantado, de início, no Rio de Janeiro. No projeto estão previstas ações de promoção de intercâmbio acadêmico e cooperações científicas de projetos de pesquisas, com a possibilidade de chegada de pesquisadores ao Brasil, a fim de estabelecer grupos de pesquisa. “Basicamente funciona assim: professores de universidades suíças virão para cá para ensinar módulos e estudantes brasileiros irão estudar na Suíça. Vou tentar fazer com que Manaus também seja integrado nesse projeto”, disse.

registrado em: , ,