Você está aqui: Página Inicial > Notícias > MDIC cria GT Permanente da Zona Franca de Manaus com foco nas exportações

Notícias

MDIC cria GT Permanente da Zona Franca de Manaus com foco nas exportações

Iniciativa deve, dentre outros pontos, possibilitar o estudo de alternativas de comércio para a ZFM.
por Layana Rios publicado: 23/12/2015 16h30 última modificação: 25/01/2016 12h35

O Diário Oficial da União (DOU) publicou, no último dia 21, a Portaria nº 397, de 18 de novembro de 2015, do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), que institui o Grupo Técnico Permanente para o incremento da competitividade da Zona Franca de Manaus como plataforma de exportação (GT-ZFM).

De acordo com a superintendente da Zona Franca de Manaus, Rebecca Garcia, a criação do grupo é resultado de reuniões que ela teve com o ministro do MDIC, Armando Monteiro, nos últimos meses. “Na minha primeira reunião com o ministro levei a preocupação com a situação da indústria do Amazonas, pois os números demonstram uma queda maior na indústria do Estado do que no restante do País. Isso decorre pelo fato de que o Polo Industrial de Manaus (PIM) nasceu para abastecer o mercado interno brasileiro, então se o padrão das famílias brasileiras cai, automaticamente, a indústria do PIM cai mais ou menos na mesma proporção, o que não acontece com outros segmentos que trabalham bem a exportação. Ciente dessa demanda e vendo a necessidade de estudarmos uma alternativa de comércio para a ZFM, o ministro publicou ontem a portaria que cria dentro do MDIC um grupo permanente para trabalhar as possibilidades na exportação”, explicou a superintendente.

Nas atribuições do GT-ZFM estão: propor diretrizes, prioridades e medidas para ampliação das possibilidades de inserção internacional das empresas da região e para integração das empresas locais com o exterior, em especial com os países de fronteira e canais de escoamento da produção; estabelecer canais de cooperação com órgãos da Administração Pública para obtenção de informações e meios visando à inserção internacional dos empreendimentos da região; e identificar setores com potencial exportador.

Coordenado pela Secretaria-Executiva do MDIC, o Grupo será composto pelas secretarias de Comércio Exterior (Secex) e do Desenvolvimento da Produção (SDP) do Ministério, bem como pela SUFRAMA e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações (Apex Brasil). Cada órgão tem o prazo de 20 dias a partir da publicação da portaria para indicar titular e suplente para o Grupo. As reuniões ordinárias serão mensais e o Grupo poderá, ainda, convidar outros órgãos e entidades públicas e da sociedade civil envolvidos direta ou indiretamente com o tema para participar das reuniões e colaborar com o GT.

registrado em: , ,