Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Multinacional pretende expandir atividade no ZFM a partir do uso da borracha natural

Notícias

Multinacional pretende expandir atividade no ZFM a partir do uso da borracha natural

Produção de pneus para atender o mercado de motos e bicicletas pode alcançar, além do mercado brasileiro, países como Colômbia e Argentina.
por Márcio Gallo publicado: 30/01/2020 18h55 última modificação: 30/01/2020 21h11

O fortalecimento da cadeia produtiva de borracha diante da demanda crescente da planta fabril da Michelin na Zona Franca de Manaus (ZFM) foi um dos destaques do evento realizado na unidade industrial da multinacional na capital amazonense, que reuniu, nesta quinta-feira (30), representantes da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), do governo do Amazonas e membros da diretoria da Michelin, dentre eles o presidente do grupo na América do Sul, Central e Caribe, Nour Bouhassoun.

Segundo dados apresentados por Bouhassoun, a proposta da Michelin é expandir sua atividade e ampliar sua planta fabril na ZFM para melhor atender o mercado brasileiro do segmento de Duas Rodas (motocicletas e bicicletas) e exportar sua produção, inicialmente, para países como Colômbia e Argentina. "Temos unidades da empresa em todo o Sudeste do Brasil, além do Paraná, Bahia e Amazonas. Projetamos ampliar nossa produção e expandir nosso alcance por países vizinhos", declarou.

O superintendente da Suframa, Alfredo Menezes, destacou que ações que possibilitem um incremento da produção da borracha natural nativa para fins de utilização em plantas fabris, como a da Michelin, é um dos temas nos quais a Suframa e o governo do estado estão alinhados. "Estamos efetuando um trabalho no sentido de buscarmos a interiorização da nossa economia", afirmou.

O titular da Autarquia ainda comentou sobre os avanços projetados pela Michelin no que tange à produção e exportação a partir da planta industrial da empresa no Polo Industrial de Manaus (PIM). "É uma satisfação saber da proposta da empresa, que com certeza vai permitir a geração de emprego e renda e o fortalecimento da cadeia produtiva na região", disse Menezes.

O governador do Amazonas, Wilson Lima, parabenizou a diretoria da multinacional pela iniciativa e afirmou que pretende ampliar o apoio à produção de borracha no Amazonas, gerando benefícios a comunidades que trabalham com o produto em municípios do interior do estado.

registrado em: , , ,