Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Negócios entre Equador e Brasil podem crescer via Zona Franca

Notícias

Negócios entre Equador e Brasil podem crescer via Zona Franca

Integração, fortalecimento das relações bilaterais e parcerias estratégicas foram os principais temas abordados durante visita da comitiva equatoriana ao Superintendente da SUFRAMA.
publicado: 23/09/2013 17h25 última modificação: 18/02/2016 18h14

Integração, fortalecimento das relações bilaterais e parcerias estratégicas foram os principais temas abordados durante visita da comitiva equatoriana ao Superintendente da SUFRAMA, Thomaz Nogueira, na última semana, na sede da autarquia, em Manaus. Estiveram presentes à reunião, José Chamorro, do Ministério de Produção, Emprego e Competitividade do Equador; Elizabeth Barsallo, da Subsecretaria de Comércio e Investimento; Cynthia Jessica Madero Egas, da Subsecretaria de Portos e Transporte Marítimo e Fluvial do Equador; além do Superintendente Adjunto de Projetos da SUFRAMA, Gustavo Igrejas e técnicos da autarquia.

Durante a visita da comitiva equatoriana, Nogueira explicou o percurso logístico de saída de mercadorias do Polo Industrial de Manaus e apontou que, além do Amazonas, outros estados da área de atuação da SUFRAMA são potenciais compradores de produtos do país vizinho. Na lista de itens com potencial para venda na região foram apontados a banana, o camarão, o atum, a sardinha, flores, cimento e outros materiais de construção.

De outro lado, produtos do Polo Industrial de Manaus despertaram o interesse de representantes do governo do Equador, em especial as bicicletas, considerando os investimentos que o país está fazendo em campanhas para maior uso do veículo entre a população.

registrado em: , , ,