Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Novamed apresenta demandas visando à expansão na ZFM

Notícias

Novamed apresenta demandas visando à expansão na ZFM

Empresa, a maior indústria farmacêutica do Brasil e terceira maior da América Latina, possui cinco unidades produtivas no País e sua planta fabril de Manaus, criada em 2014 e com capacidade para produzir 1,5 bilhão de comprimidos por mês.
por Diego Queiroz publicado: 23/07/2019 15h10 última modificação: 23/07/2019 16h20

Em visita nesta segunda-feira (22) à planta da Novamed Manaus, localizada no km 22 da rodovia AM-010 – que liga a capital amazonense ao município de Itacoatiara –, o superintendente da Suframa, Alfredo Menezes, conheceu a unidade produtiva da empresa e ouviu demandas visando à expansão de investimentos e à ampliação da atuação do grupo na Zona Franca de Manaus.


A Novamed pertence ao Grupo NC, que também é detentor da EMS – maior indústria farmacêutica do Brasil e terceira maior da América Latina. O grupo possui cinco unidades produtivas no Brasil, sendo que a planta em Manaus, criada em 2014 e com capacidade para produzir 1,5 bilhão de comprimidos por mês, é considerada uma das maiores e mais modernas fábricas de comprimidos sólidos do mundo. Em quase cinco anos, a empresa acumula investimentos de aproximadamente R$ 400 milhões e a geração de mais de 600 empregos diretos em Manaus.


A principal demanda apresentada pelos executivos da Novamed – entre eles o diretor de operações, Arturo Berger, e a diretora jurídica, Renata Alves – diz respeito à alteração no Processo Produtivo Básico (PPB) de medicamentos, de forma a readequar contrapartidas exigidas em investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D). Os executivos também mencionaram a intenção de ampliar a internacionalização da marca e utilizar futuramente a planta de Manaus – cuja produção atualmente é destinada de forma integral ao mercado brasileiro – também como plataforma de exportações.


Com relação à demanda relacionada à alteração de PPB, o superintendente Alfredo Menezes informou que as equipes técnicas da Suframa já estão acompanhando o assunto e realizando as diligências necessárias para o andamento da questão. Ele também se disse impressionado com a estrutura da empresa e colocou à Autarquia à disposição para colaborar no que for possível para a expansão da atuação da Novamed e, consequentemente, do aumento de negócios e da geração de emprego e renda na região. “Verificamos que esta é uma empresa pioneira na região e com um processo produtivo altamente automatizado e tecnológico, que atende a rigorosos padrões de autoridades sanitárias nacionais e internacionais. Enxergamos o segmento de medicamentos com muito interesse, inclusive, pensando-se na possibilidade de trabalhar com a biotecnologia, e com boas possibilidades de crescimento em favor do nosso Estado e da nossa região”, afirmou Menezes.

registrado em: ,