Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Observatur-UEA é inaugurado com participação da Suframa

Notícias

Observatur-UEA é inaugurado com participação da Suframa

O Observatório, criado com o objetivo de compilar dados, fazer o intercâmbio de informações e realizar prognósticos e direcionamentos para a potencialização da atividade turística no Amazonas, é o primeiro do Estado e também o primeiro da Região Norte criado por uma universidade.
por Diego Queiroz publicado: 10/07/2019 18h33 última modificação: 10/07/2019 19h43

Foi realizada nesta quarta-feira (10), no prédio da reitoria da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), a primeira reunião do Observatório do Turismo (Observatur-UEA). O Observatório, criado com o objetivo de compilar dados, fazer o intercâmbio de informações e realizar prognósticos e direcionamentos para a potencialização da atividade turística no Amazonas, é o primeiro do Estado e também o primeiro da Região Norte criado por uma universidade. A Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) esteve presente nesta reunião pioneira, sendo representada pelo superintendente Alfredo Menezes.

Além da Suframa, participam do Observatur-UEA diversos outros órgãos federais, estaduais e municipais, tais como Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), Secretaria Municipal de Cultura (Amazonastur), Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e Secretaria de Estado de Cultura do Amazonas (SEC), entre outros.

Em seu pronunciamento, o superintendente Alfredo Menezes ressaltou o momento ímpar para que as diversas instituições unam esforços, independentemente de grupos ou partidos políticos, e alinhem as diretrizes em prol de um trabalho que gere resultados efetivos em benefício da população do Amazonas. Ele lembrou também a relação de parceira mantida historicamente pela Suframa com a UEA e ressaltou a capilaridade e a importância da universidade para o futuro do Estado. “Sem educação não conseguiremos avançar. A UEA está presente nos 62 municípios do Amazonas, incluindo a capital, com uma contribuição efetiva da Suframa. Contem com todo nosso apoio para a construção desse instrumento e para a operacionalização dessa nova matriz econômica. Sem dúvidas, o turismo é uma vocação natural da nossa região”, afirmou Menezes.

De acordo com a coordenadora do Observatório de Turismo da UEA e professora do Curso de Turismo da instituição, professora Selma Batista, o Brasil conta com 26 observatórios de turismo implantados, sendo apenas quatro criados por universidades. Ela afirmou que um dos grandes desafios é evitar a defasagem das informações a partir da manutenção de uma agenda regular de reuniões e do pronto compartilhamento de informações técnicas. “A rede é uma conexão entre as partes. Temos informações que hoje a UEA não possui, mas a Amazonastur, a Suframa, a Manauscult e outros parceiros dispõem, então agora irá facilitar nosso trabalho porque estamos conectados”, disse. “Vamos juntos gerar dados estatísticos que irão embasar as tomadas de decisões buscando o crescimento do turismo na nossa região”, complementou.

Seminário
A reunião inaugural do Observatur-UEA ocorre no mesmo dia em que está sendo encerrado o seminário “O turismo como vetor de desenvolvimento da Amazônia”, promovido pela Suframa, em sua sede, desde a segunda-feira (8). O seminário, que visa ao debate sobre a atividade turística na região, contou nesta quarta-feira com uma oficina voltada exclusivamente ao esclarecimento de dúvidas sobre o Edital de Seleção nº 05, publicado no Diário Oficial da União de 2 de julho de 2019.

O Edital visa ao recebimento de propostas de projetos de apoio a atividades turísticas no Amazonas, apresentados por órgãos ou entidades públicas federais, estaduais ou municipais, bem como por organizações da sociedade civil, com vistas à criação de um repositório institucional que possa servir de etapa de prospecção a futura seleção de propostas aptas a receberem recursos financeiros, oriundos de transferências voluntárias da União operacionalizadas pela Suframa. O período de inscrições, conforme exposto no edital, vai de 25 de julho a 08 de agosto. A divulgação do resultado preliminar será no dia 15 de agosto e o resultado definitivo, após interposição de recursos, será no dia 30 de agosto.