Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Outubro tem o maior faturamento mensal do ano no PIM

Notícias

Outubro tem o maior faturamento mensal do ano no PIM

Empresas instaladas no Polo Industrial de Manaus registraram faturamento de R$ 8,9 bilhões (US$ 3.6 bilhões) no mês.
por Diego Queiroz publicado: 12/12/2014 16h16 última modificação: 05/02/2016 17h13

Com R$ 8,9 bilhões (US$ 3.6 bilhões) registrados, o mês de outubro representou o melhor resultado mensal de faturamento do Polo Industrial de Manaus (PIM) deste ano e colaborou para que o parque fabril incentivado da capital amazonense fechasse o acumulado dos dez primeiros meses de 2014 com faturamento global de R$ 71,7 bilhões (US$ 31 bilhões), o que representa um crescimento, em reais, de 5,35% e uma queda, em dólar, de 2,85% em relação ao mesmo intervalo do ano passado.

A mão de obra efetiva, temporária e terceirizada do PIM totalizou 119.619 trabalhadores em outubro, o que significa diminuição de 0,5% em relação ao mês imediatamente anterior (120.228 trabalhadores em setembro) e de 6,8% na comparação com outubro de 2013 (128.360 trabalhadores). Apesar da queda registrada em outubro, a média mensal de empregos do PIM em 2014, de 122.497 trabalhadores, ainda se mantém em patamar recorde, superando a melhor média até então, de 121.629 trabalhadores, registrada no ano passado.

O segmento Eletroeletrônico (incluindo Bens de Informática), responsável tradicionalmente por cerca de 50% do faturamento do PIM, apresenta resultados ascendentes em 2014. O faturamento de R$ 36 bilhões no período de janeiro a outubro corresponde a um crescimento de 6,41% em relação ao mesmo período do ano passado, ao passo em que produtos representativos desse polo apresentam aumentosde produção, dentre os quais tablets (crescimento de 20,2%), televisores com tela de cristal líquido (crescimento de 8,99%) e televisores com tela de plasma (crescimento de 163,35%).

Outros segmentos que apresentam números positivos no balanço dos dez primeiros meses do ano são Termoplástico, com faturamento de R$ 3,7 bilhões e crescimento de 12,62% em relação ao mesmo período do ano passado; Metalúrgico, com faturamento de R$ 3,25 bilhões e crescimento de 15,87%; Mecânico, com faturamento de R$ 3,47 bilhões e crescimento de 11,59%; e Químico, com faturamento de R$ 8,62 bilhões e crescimento de 4,89%.

O segmento Mecânico, em particular, tem sido impulsionado pela forte produção de condicionadores de ar, tanto do tipo split system quanto de janela. No período de janeiro a outubro de 2014, foram fabricadas aproximadamente 3,3 milhões de unidades de aparelhos split e cerca de 655 mil unidades de aparelhos do tipo janela, o que representa crescimentos de 21,53% e 21,13%, respectivamente, em relação ao mesmo período do ano passado.

Satisfatório
De acordo com o superintendente em exercício da Zona Franca de Manaus, Gustavo Igrejas, as expectativas são de que o PIM feche 2014 com resultados levemente superiores aos do ano passado, o que caracterizaria, novamente, recordes de faturamento (em reais) e empregos. “Precisamos aguardar a consolidação dos dados do último bimestre para fazer uma avaliação final sobre 2014, mas podemos dizer que, até o momento, os resultados são satisfatórios, levando em consideração a situação da economia internacional e do restante do País”, avaliou.
Todos os resultados apresentados têm como base o “Sistema de Indicadores do Polo Industrial de Manaus”, que está disponível para consulta em http://www.suframa.gov.br/zfm_indicadores_do_pim.cfm.