Você está aqui: Página Inicial > Notícias > PIM tem faturamento de R$ 10,5 bilhões no primeiro bimestre

Notícias

PIM tem faturamento de R$ 10,5 bilhões no primeiro bimestre

O segmento mais representativo do PIM continua sendo o Eletroeletrônico, que contribui com 28,66% do faturamento no parque fabril de Manaus.
por Márcio Gallo publicado: 13/04/2016 16h55 última modificação: 14/04/2016 12h21

As empresas incentivadas do Polo Industrial de Manaus (PIM) informaram à Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) que, no primeiro bimestre de 2016, registraram faturamento de R$ 10,526 bilhões (US$ 2.716 bilhões). O montante representa um decréscimo de 17,64% em real (42,15% em dólar) quando comparado com os dados apurados no mesmo período do ano passado, ocasião na qual o PIM faturou R$ 12,782 bilhões (US$ 4.694 bilhões).

O segmento mais representativo do PIM continua sendo o Eletroeletrônico, que contribui com 28,66% do faturamento no parque fabril de Manaus, seguido pelos setores de Bens de Informática (17,36%), Químico (15,22%) e Duas Rodas (14,53%).

Embora os principais segmentos do PIM tenham apresentado redução de faturamento nos dois primeiros meses deste ano em relação ao mesmo período de 2015, alguns subsetores apresentaram melhora de desempenho, em real, no mesmo intervalo. Entre eles estão Bens de Informática do Polo Mecânico (crescimento de 65,14%), Madeireiro (60,29%), Naval (48,77%), Relojoeiro (25,27%) e Bebidas (15,03%).

Empregos
O mês de fevereiro fechou com 86.321 postos de trabalho ocupados no PIM, entre efetivos, temporários e terceirizados. O número representa queda de 1,62% ante os 87.744 postos apurados em janeiro deste ano e de 25,4% em relação a fevereiro de 2015, quando 115.721 trabalhadores estavam empregados no Polo. A média mensal de mão de obra do PIM em 2016 ficou estabelecida em 87.032 trabalhadores.

“Os dados demonstram as dificuldades não apenas do PIM, mas de toda a indústria nacional, a partir do momento instável que impacta toda a economia brasileira. Sabemos das dificuldades, mas temos plena certeza da capacidade que temos de reverter esse quadro. A SUFRAMA está atenta às demandas que possibilitem uma melhora gradual da situação na região e estamos atuando neste sentido”, pontuou a superintendente da SUFRAMA, Rebecca Garcia.

Produtos
Entre os principais produtos fabricados no PIM, aqueles que apresentaram variação positiva de desempenho na comparação do primeiro bimestre de 2016 com o mesmo período de 2015 foram: aparelhos de MP3/MP4 (42,97%); lâminas e cartuchos (10,63%); relógios de pulso e bolso (5,24%); computadores desktop (3,80%); e aparelhos de barbear (1,59%).

 

* A consulta aos Indicadores de Desempenho do Polo Industrial de Manaus pode ser feita aqui.