Você está aqui: Página Inicial > Notícias > PIM tem novo recorde de faturamento

Notícias

PIM tem novo recorde de faturamento

Foram US$ 9,4 bilhões, contra US$ 7,377 bilhões no mesmo período de 2007, um aumento de 27,41%.
publicado: 13/06/2008 00h00 última modificação: 22/07/2016 10h16

Indicadores de Desempenho do Pólo Industrial de Manaus (PIM) apontam novo recorde de faturamento do parque fabril no primeiro quadrimestre do ano. Foram US$ 9,4 bilhões, contra US$ 7,377 bilhões no mesmo período de 2007, um aumento de 27,41%. As informações foram divulgadas nesta sexta-feira (13) pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA).

Dentre os setores industriais com melhor desempenho, destaca-se o de Duas Rodas que contabilizou, de janeiro a abril, faturamento de US$ 2,761 bilhões e crescimento de 54,06%. O setor Eletroeletrônico continua liderando a participação com o maior valor, totalizando US$ 3,817 bilhões, contra US$ 3,258 bilhões no comparativo com o mesmo período de 2007, o que representa elevação de 17,16%.

Também contribuíram para o desempenho positivo do PIM os setores Metalúrgico (US$ 647,561 milhões e crescimento de 43,64%), Relojoeiro (US$ 90,215 milhões e crescimento de 35,91%), Ótico (US$ 37,816 milhões e crescimento de 32,25%), Termoplástico (US$ 552,049 milhões e crescimento de 26,93%) e Mecânico (US$ 227,913 milhões e crescimento de 18,04%). Já o setor Mineral não Metálico conseguiu um salto de faturamento nos primeiros quatro meses do ano, totalizando US$ 40,615 milhões, contra US$ 20,729 milhões de janeiro a abril de 2007, crescimento de 95,93%.

Os televisores com tela de LCD continuam na liderança do ranking de produção. De janeiro a abril, foram fabricados 535 mil aparelhos de TVs com tela de LCD, um percentual 289,57% maior que no mesmo período de do ano passado, cuja produção foi de 137 mil. Foram fabricados ainda 74 mil aparelhos de TVs de plasma, alta de 41,49% em comparação ao mesmo período do ano anterior, quando a produção atingiu 52 mil unidades. A produção de câmera fotogrática digital também está aquecida. No acumulado do primeiro quadrimestre, foram fabricadas 371 mil câmeras fotográficas, contra 138 mil em 2007, crescimento de 169,39%.

A fabricação de motocicletas continua em ritmo acelerado por conta do aquecimento do mercado interno. A produção saltou de 629 mil unidades, de janeiro a abril de 2007, para 794 mil no mesmo período de 2008, contabilizando crescimento de 26,24%. Os aparelhos de telefonia celular também seguem a trilha de crescimento. No acumulado do primeiro quadrimestre, foram produzidas 7 milhões de unidades, contra 5 milhões no ano anterior, alta de 57,44%. Em relação aos receptores/decodificadores de sinal digital (via cabo, satélite e via transmissão local terrestre), a produção atingiu 1,953 milhão de unidades de janeiro a abril de 2008 e, em igual período do ano passado, foram fabricadas 1,375 milhão de unidades, crescimento de 41,96%.

Registraram ainda aumento de produção no primeiro quadrimestre: compact disc – inclusive CD-Rom (alta de 48,25%); auto-rádio e aparelhos reprodutores de áudio (alta de 42,97%), microcomputadores – inclusive portátil (alta de 34,01%) e rádios e aparelhos reprodutores e gravadores de áudio – portátil (alta de 15,08%).

De acordo com o superintendente adjunto de Projetos da SUFRAMA, Oldemar Ianck, o faturamento alcançado pelo Pólo Industrial de Manaus nos primeiros quatro meses do ano está acima do esperado e deve-se, sobretudo, ao bom desempenho do segmento de Duas Rodas, que registrou incremento acima de 50% em seu faturamento neste período.

Exportações
Os indicadores de desempenho do PIM também confirmam trajetória crescente das exportações. No primeiro quadrimestre do ano, as vendas ao mercado externo somaram US$ 336,423 milhões, percentual 23,19% maior na comparação com igual período do ano passado, quando o volume de exportações atingiu US$ 273,094 milhões. Os telefones celulares (30,60%), preparação para elaboração de bebidas (13,91%), motocicletas de 50 cilindradas (8,6%), motocicletas de 125 cilindradas (8,12%) e aparelhos de barbear (4,25%) lideram a lista de exportações.

Quanto ao número de mão-de-obra, o PIM contabiliza 100.065 mil empregos em abril de 2008, tomando como base dados fornecidos por 395, das aproximadamente 500 empresas instaladas no parque fabril local.

 

registrado em: , ,