Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Prorrogação da ZFM estimula novos investimentos da 3M em Manaus

Notícias

Prorrogação da ZFM estimula novos investimentos da 3M em Manaus

Empresa inaugurou nova planta fabril no Polo Industrial de Manaus.
por Layana Rios publicado: 03/12/2015 00h00 última modificação: 25/01/2016 17h25

A prorrogação dos incentivos fiscais da Zona Franca de Manaus (ZFM) até 2073 foi importante para que a empresa estadunidense 3M ampliasse seus investimentos na capital amazonense. A informação foi dita pelo gerente da fábrica da 3M Manaus, Fernando Pellicano, durante a inauguração da nova planta da empresa, realizada nessa quarta-feira (2). “Existe um plano de expansão que foi traçado para essa fábrica e a postergação para 2073 da Zona Franca foi mais um estímulo para a gente, nos dá mais solidez nesse plano e mais força, inclusive, para justificar esse investimento para a nossa diretoria internacional”, afirmou.

A solenidade de inauguração da nova planta, localizada no quilômetro 23 da rodovia AM-010, contou com a presença da superintendente da SUFRAMA, Rebecca Garcia, do governador do Amazonas, José Melo, do presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas, Antônio Silva, do diretor-presidente da 3M Manaus, Afonso Chaguri, e do presidente da 3M Brasil, Jorge Lopez.

A superintendente Rebecca Garcia parabenizou toda a equipe da 3M e falou sobre a importância da empresa para o Polo Industrial de Manaus (PIM). “Parabenizo a coragem e a ousadia de, num momento como o que estamos vivendo, fazer um investimento tão significativo. Entendemos a importância desses recursos e procuraremos ser parceiros para que a 3M se fortaleça cada vez mais na nossa região e que possa, se possível, trazer ainda mais negócios e investimentos para o Polo Industrial de Manaus”, afirmou a superintendente.

Na nova fábrica, que tem 16 mil metros quadrados de área construída em um terreno de 264 mil metros quadrados, foram investidos R$ 100 milhões. “Esse investimento foi o maior da 3M no Brasil nos últimos anos, que incluiu a aquisição do terreno e a construção de toda a infraestrutura. Isso demonstra que nosso plano de crescimento no Amazonas é muito grande”, afirmou Pellicano, lembrando que essa foi apenas a primeira fase dos investimentos e a empresa vai ampliar ainda mais as suas instalações. Segundo ele, ao final da expansão, a mão de obra direta deverá subir de 180 para 400 funcionários.

A 3M produz mais de 15 mil itens no Brasil, segmentados em cinco grupos de negócios: consumo; eletrônicos e energia; industrial; saúde; e segurança e gráficos. Na fábrica de Manaus, são produzidas diversas linhas de fitas adesivas para uso industrial e doméstico, blocos post-it, fitas elétricas, películas refletivas para veículos e respirador facial para segurança do trabalho, entre outros. Além de Manaus, onde a 3M atua há nove anos, a empresa possui mais seis plantas no País.

Foram anunciadas, ainda, novidades para a produção de Manaus. “Nos próximos meses iniciaremos o trabalho de injeção plástica, e também estamos trabalhando em projetos para fabricar produtos voltados ao cuidado da saúde e na verticalização dos processos para o adensamento da cadeia produtiva”, explicou Pellicano.

O governador José Melo ressaltou a visão de médio e longo prazo da empresa ao fazer investimentos tão relevantes no Estado. “A 3M está investindo na contramão, está olhando o mercado futuro, está olhando mais na frente para que quando a crise terminar – e ela vai terminar – a empresa já esteja instalada e com o mercado garantido. Parabéns, isto é ser empresário”, disse.

registrado em: , , ,