Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Rodada de Negócios de Turismo atrai mercado europeu

Notícias

Rodada de Negócios de Turismo atrai mercado europeu

Evento foi realizado em parceria com o Amazonas Convention & Visitors Bureau (ACVB).
por Layana Rios publicado: 29/11/2013 15h38 última modificação: 16/02/2016 13h05

A concretização do voo que ligará Manaus a Lisboa, capital de Portugal, com uma escala em Belém (PA) a partir de junho de 2014 pela portuguesa TAP Linhas Aéreas atraiu uma participação expressiva de operadoras do mercado europeu durante a IV Rodada de Negócios de Turismo, integrante da programação da VII Feira Internacional da Amazônia (FIAM). O evento foi realizado nesta sexta-feira (29), no Salão Nobre do Studio 5, sob a organização da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) em parceria com o Amazonas Convention & Visitors Bureau (ACVB).

A Rodada 2013 contou com a participação de 24 buyers – operadoras de turismo interessadas em vender os destinos da Amazônia ao mercado mundial – sendo 18 convidados de onze países, entre os quais Portugal, Espanha, Itália, Inglaterra, Panamá, Peru e Colombia, e seis nacionais, dos Estados de São Paulo (2), Rio de Janeiro, Bahia, Paraná e Belo Horizonte. O número de suppliers – empresas de agências de viagens e turismo, hotéis (inclusive de selva), transportadoras, eventos, entre outras, com foco na venda de produtos turísticos da Amazônia – foi de 46 empresas, oriundas dos Estados do Amazonas, Roraima, Rondônia e Pará.

Para José Manuel Ferraz, diretor da operadora portuguesa Abreu, a mais antiga do mundo, no mercado desde 1840 e no Brasil há 50 anos, o voo deverá incrementar a vinda de turistas europeus para conhecer o destino Amazônia. “Costumo falar que devido essa deficiência de voos diretos, só vem pra Amazônia quem quer mesmo vir. Agora com esse voo, poderemos promover o turismo na região, apresentando um leque de produtos diferentes para o público europeu e a Rodada é fundamental para vermos os produtos que estão sendo oferecidos na região”, afirmou.

O consultor Henrique Dias, da operadora portuguesa RDCM, acredita que o voo, que iniciará com frequência de três vezes por semana, deverá tornar-se diário em poucos meses. “Sem dúvida, em pouco tempo (o voo) vai passar a ser diário porque terá não somente o tráfego local, como também o tráfego dos países vizinhos. Será um sucesso como porta de entrada para a Europa em menos tempo de viagem”, observa.

Durante a Rodada, o diretor da operadora Abreu esteve à procura de novos produtos no destino Amazônia. “Estou representando a operadora vendo produtos, sobretudo na hotelaria, mas com a vantagem de podermos ver aqui outros tipos atrativos e descobrir produtos que não conhecíamos, como, por exemplo, a oferta de barcos fluviais, que é bem interessante, e também conheci alguns hotéis de selva que ainda não tinha visto”, explicou Ferraz.

Para os suppliers, as conversas com os empresários foi bastante produtiva. “A rodada de Turismo é muito qualificada porque os compradores são diferenciados, já querem exatamente o que oferecemos, que é o turismo de selva, no meu caso”, observou Dayan Saldanha, do Pakaas Palafitas Lodge, hotel de selva localizado em Rondônia. “Prospectei vários contatos com Espanha, Portugal e Holanda e essa é a grande vantagem da FIAM, pois como sou de Rondônia é uma excelente oportunidade de estarmos perto de casa, aqui no Norte, diante de um público tão qualificado de compradores internacionais”, completou.

A gerente do departamento de receptivo da Amazon Explorers, Kátia Braga, também ressaltou a qualidade dos buyers da Rodada de Turismo. “São pessoas que estão interessadas em fazer negócio. Pelas conversas que já tive, vi que estão em busca principalmente de pescaria esportiva e viagens customizadas na Amazônia, que são os roteiros personalizados”, afirmou. A gerente lembrou ainda que o voo da TAP para Portugal vai requerer grande preparação das empresas de receptivo de Manaus para atender a essa demanda.

A diretora-executiva do ACVB, Adriana Papa, avaliou a quarta Rodada de Negócios de Turismo como um sucesso. “Esse evento acontece em um momento muito importante, que é a preparação para o início da operação deste voo para Portugal, que deverá incrementar bastante o turismo na Amazônia pelo público europeu e vejo que alcançamos nosso objetivo com a qualidade dos encontros aqui realizados durante a Rodada”, salientou.

A Amazonas Convention Bureau teve apoio da Empresa Estadual de Turismo no convite de operadoras internacionais para o evento.

registrado em: , , ,