Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Servidor da SUFRAMA recebe prêmio de Economista do Ano de 2011

Notícias

Servidor da SUFRAMA recebe prêmio de Economista do Ano de 2011

A comenda é concedida pelo Conselho Regional de Economia do Amazonas.
publicado: 12/08/2011 00h00 última modificação: 11/04/2016 16h13

O superintendente adjunto de Projetos da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), Oldemar Ianck, receberá neste sábado (13), o prêmio Economista do Ano de 2011. A comenda é concedida pelo Conselho Regional de Economia do Amazonas (Corecon) e será entregue durante jantar que marcará o encerramento da Semana do Economista 2011, no Elegance.

Servidor de carreira da SUFRAMA desde fevereiro de 1980, Oldemar Ianck passou por diversos cargos na autarquia ao longo desse período: superintendente adjunto de Operações, superintendente adjunto de Planejamento, assessor da Superintendência, presidente da Comissão Permanente de Licitações, assessor da Superintendência Adjunta de Planejamento, diretor do Departamento de Promoção de Investimentos e diretor do Departamento de Acompanhamento e Fiscalização de Projetos Industriais.

Ianck considera a sua escolha para receber a premiação como sendo extremamente gratificante. Contudo, ele faz questão de compartilhar esse reconhecimento com os seus colegas da autarquia, com quem realizou vários trabalhos em equipe e aprendeu bastante durante esses 31 anos de convivência. Ressalta ainda que a profissão de economista nunca esteve tão em voga em virtude do cenário atual, marcado por crises econômicas nas diversas esferas. 

Para ele, a profissão de economista é apaixonante por estar diretamente ligada a assuntos que têm repercussão no dia a dia das pessoas, empresas e organizações, e alerta para a necessidade de os profissionais da Economia ampliarem os seus conhecimentos para outras áreas, adotando uma postura de interdisciplinariedade.

O Prêmio Economista do Ano foi criado em 1979 e tem por finalidade homenagear os profissionais de Economia que se destacam no desenvolvimento da ciência econômica nos cenários regional, nacional ou internacional, nas áreas do conhecimento científico, educacional, cultural e profissional.

registrado em: ,