Você está aqui: Página Inicial > Notícias > SUFRAMA conhece inovações desenvolvidas pelo SIDIA

Notícias

SUFRAMA conhece inovações desenvolvidas pelo SIDIA

O instituto desenvolve inovações para telefones celulares, tablets, Internet das Coisas, realidade virtual, wearables (tecnologias vestíveis) e jogos de alto padrão.
por Enock Nascimento publicado: 25/08/2017 13h52 última modificação: 25/08/2017 17h14

Inovações para telefones celulares, tablets, Internet das Coisas, realidade virtual, wearables (tecnologias vestíveis), software embarcado e jogos de alto padrão, desenvolvidas no Samsung Instituto de Desenvolvimento para a Informática da Amazônia (SIDIA), foram apresentadas para dirigentes e técnicos da SUFRAMA nesta quarta-feira (16), durante visita à sede da instituição, localizada no Distrito Industrial de Manaus.

O superintendente do SIDIA, Alex Melo, apresentou um histórico do Instituto, o qual foi inicialmente criado, em 2004, para desenvolver projetos no âmbito da televisão digital. O executivo também fez um resumo dos avanços e das conquistas da instituição, que hoje é referência em desenvolvimento de tecnologias de última geração, e destacou ainda os projetos de expansão e ampliação de investimentos.

Após a apresentação, os técnicos da SUFRAMA visitaram laboratórios e conheceram projetos que serão lançados nos próximos anos. “Quase 90% de todos os smartphones lançados pela Samsung para a América Latina têm participação da SIDIA”, frisou Melo. O local também abriga o Black River Studios, primeiro estúdio de games da Samsung inaugurado fora da Coreia do Sul.

Atualmente, o SIDIA possui 528 funcionários no entanto, conforme planejamento do instituto, esse número pode chegar a 814 em dezembro de 2018. “O SIDIA está em franca expansão e possui vagas para diversas áreas de tecnologia e inovação. Entre elas, para desenvolvedores, designers, artistas, entre outras”, afirmou Melo.

Participaram da visita, representando a SUFRAMA, o superintendente adjunto de Planejamento e Desenvolvimento Regional, Marcelo Pereira, a coordenadora geral de Estudos Econômicos e Empresariais, Ana Maria Souza, e o coordenador geral de Gestão Tecnológica, Carlos Roberto Silva, entre outros técnicos da autarquia.