Você está aqui: Página Inicial > Notícias > SUFRAMA e Caixa integram sistemas para agilizar processos

Notícias

SUFRAMA e Caixa integram sistemas para agilizar processos

Termo de Cooperação Técnica entre as instituições tem por objetivo integrar o Cadsuf ao banco de dados da Caixa, o que possibilitará o compartilhamento de informações que levem à desburocratização de processos envolvendo empresas instaladas ou que queiram se estabelecer na Zona Franca de Manaus.
por Márcio Gallo publicado: 20/02/2018 10h45 última modificação: 20/02/2018 11h58

A Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) e a Caixa Econômica Federal assinaram na tarde desta segunda-feira (19), na sede da autarquia, um Termo de Cooperação Técnica que tem por objetivo integrar o novo sistema de cadastro da Superintendência (Cadsuf) ao banco de dados da Caixa, o que possibilitará o compartilhamento de informações que levem à desburocratização de processos envolvendo empresas instaladas ou que queiram se estabelecer na Zona Franca de Manaus (ZFM). A assinatura foi feita pelo titular da SUFRAMA, Appio Tolentino, e pelo superintendente regional da Caixa no Amazonas, Mário Tonon, e acompanhada pelo superintendente adjunto de Operações da SUFRAMA, Bruno Lobato, pelo procurador-chefe da autarquia, Francisco Augusto Martins da Silva, e por técnicos da Caixa.

Responsável direto pela área de operações, o superintendente adjunto, Bruno Lobato, ressaltou que o Termo de Cooperação Técnica permitirá aperfeiçoar ainda mais os processos da autarquia, em especial no que se refere aos cadastros das empresas. Maior segurança, controle e desburocratização estão entre os benefícios deste acordo. “Esta assinatura atende a demandas de órgãos de controle, como o Tribunal de Contas da União (TCU), e de órgãos da administração tributária. Assim, será possível automatizar ainda mais os sistemas, mitigando os riscos dos processos e aumentando o combate a possíveis tentativas de fraude fiscal”, pontuou Lobato.

Na ocasião, Appio Tolentino destacou o caráter desenvolvimentista que a SUFRAMA historicamente busca ter na região coberta pelos incentivos fiscais federais (Amazonas, Acre, Roraima, Rondônia e municípios de Macapá e Santana, no Amapá) e informou que a autarquia tem interesse de estabelecer parcerias para criação de linhas de financiamento aos segmentos produtivos da ZFM. “Em ações recentes, como nos programas SUFRAMA Itinerante e SUFRAMA nos Municípios, buscamos nos reaproximar de regiões cujo potencial é enorme. Acreditamos que precisamos desenvolver um projeto agroindustrial que beneficie novos empreendimentos, mas também projetos já existentes, possibilitando que cresçam e ampliem sua produtividade e, consequentemente, a geração de empregos e renda na região”, afirmou.

O superintendente regional da Caixa, Mário Tonon, colocou a equipe técnica da instituição à disposição da SUFRAMA para discutirem ações conjuntas e reiterou que a iniciativa de realizar investimentos é algo inerente à Caixa Econômica Federal. “Temos estimulado a busca por alternativas para diversificar a economia em prol do desenvolvimento do País, contribuindo para a transformação que a sociedade precisa”, disse.