Você está aqui: Página Inicial > Notícias > SUFRAMA e Ministério da Economia trabalham ações integradas para a ZFM

Notícias

SUFRAMA e Ministério da Economia trabalham ações integradas para a ZFM

Durante agenda em Brasília, titular da Autarquia tratou sobre medidas que visam destravar, desburocratizar e acelerar a aprovação dos Processos Produtivos Básicos (PPBs).
publicado: 21/03/2019 19h26 última modificação: 21/03/2019 20h34

“Quero tranquilizar a nossa bancada federal, a Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), o Centro da Indústria do Amazonas (Cieam), a população e demais agentes econômicos envolvidos no nosso Polo Industrial. Nenhuma medida que prejudique o nosso modelo econômico será adotada pelo governo federal”. A afirmação do superintendente da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), Alfredo Menezes, é o resultado das reuniões desta semana em Brasília.

Depois de participar de audiência pública no senado federal, o superintendente cumpriu extensa agenda para tratar de medidas que visam destravar, desburocratizar e acelerar a aprovação dos Processos Produtivos Básicos (PPBs). “Neste processo, a SUFRAMA é o principal interlocutor com o Ministério da Economia e, especialmente, com a Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade (Sepec). Nenhuma decisão relativa aos PPBs será tomada sem o nosso conhecimento. Estamos identificando os gargalos existentes e elaborando uma proposta simplificada de análises dos PPBs, para, então, apresentá-la ao Secretário da Sepec, Carlos Alexandre Da Costa”.

Na tarde desta quinta-feira (21), o superintendente também reuniu-se com o Secretário de Indústria, Comércio e Inovação, Caio Megale, do Ministério da Economia. “São excelentes notícias! Nós estabelecemos que nossas equipes de análise dos processos produtivos básicos vão trabalhar em conjunto para padronizar os critérios e procedimentos e, assim, dar celeridade imediata para que os resultados práticos comecem a aparecer em curtíssimo prazo”.

Na sexta-feira (22), o superintendente Alfredo Menezes cumpre agenda em Manaus. “Estamos interagindo e unindo esforços para podermos avançar em nossos principais objetivos, que são o desenvolvimento da nossa região e a geração de emprego e renda para o nosso povo. A defesa do nosso modelo econômico é um dever e uma missão de todos”.