Você está aqui: Página Inicial > Notícias > SUFRAMA e Sebrae/AM apoiam participação de 17 empresas regionais na 7ª Natural Tech

Notícias

SUFRAMA e Sebrae/AM apoiam participação de 17 empresas regionais na 7ª Natural Tech

Objetivo é proporcionar a oportunidade de conhecer novas tendências de mercado, assistir a fóruns e palestras, entrar em rodadas de negócios e criar possibilidades de parcerias e de negócios de exportação por meio da exposição de produtos.
publicado: 19/07/2011 00h00 última modificação: 11/04/2016 17h18

Com o objetivo de proporcionar às micro e pequenas empresas da Região a oportunidade de conhecer novas tendências de mercado, assistir a fóruns e palestras, entrar em rodadas de negócios e criar possibilidades de parcerias e de negócios de exportação por meio da exposição de produtos, a Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/AM), está apoiando a participação de dezessete empresas, associações e cooperativas dos Estados do Amazonas e de Rondônia na 7ª Feira Internacional de Produtos Orgânicos e Agroecologia (Natural Tech) e 7ª Bio Brazil Fair (Feira Internacional de Alimentação Saudável, Produtos Naturais e Saúde), que serão realizadas no período de 21 a 24 de julho, na Bienal Ibirapuera, em São Paulo.

A SUFRAMA e o Sebrae/AM disponibilizaram um estande onde as empresas regionais poderão expor artesanatos, cosméticos, acessórios, alimentos, fitoterápicos e biojoias. As empresas que estarão presentes no estande são: Associação Nova Recordação; Cooperativa Mista Agropecuária de Manacapuru – COMAPEM; Associação dos Produtores Rurais do Baixo Urucurituba – UPRUBU; Pharmakos da Amazônia; Bombons Finos da Amazônia; Cooperação Mista Agroextrativista Sardinha – ASPAC; So Hervas; Amazonia Emporio Sustentável; União das Mulheres Artesães Indígenas do Médio Rio Negro – UMAI; Guaranamazon; Licores da Amazônia; Arecaceae Biojóia; Harmonia Nativa; Gotas da Amazônia; Amazongreen. O Estado de Rondônia mostrará suas potencialidades regionais, no segmento de cosméticos e fitoterápicos, por meio das empresas Essenz e Ômegas Amazônia.

A participação da SUFRAMA no evento tem o objetivo de promover o modelo ZFM, atrair investimentos para o Polo Industrial de Manaus (PIM) e divulgar as potencialidades da Amazônia Ocidental (Amazonas, Acre, Roraima e Rondônia, e as Áreas de Livre Comércio de Macapá e Santana, no Amapá).

Dentro da programação da Natural Tech, a SUFRAMA também participará do 7º Fórum de Agricultura Orgânica e Sustentável – Módulo Sustentabilidade, em parceria com a ADS. Na ocasião, o diretor de Negócios Florestais da ADS, Fernando Ribeiro Guimarães, apresentará o tema “Produção Orgânica do Extrativismo no Estado do Amazonas”, com a participação da coordenadora-geral de Desenvolvimento Regional da SUFRAMA, Eliany Gomes.

Considerada a principal exposição do setor de produtos naturais, a Natural Tech é o lugar ideal para promover os mais recentes estudos e lançamentos em alimentos funcionais e saudáveis. Ao longo dos anos a feira também se tornou um espaço importante para produtos nas áreas de saúde e beleza. O evento reúne um amplo número de compradores qualificados que formam grandes canais de distribuição da indústria de produtos naturais.

FIAM 2011
Além de promover as potencialidades da Amazônia Ocidental e dos produtos regionais, a SUFRAMA também aproveitará a 7ª Natural Tech para divulgar a sexta edição da Feira Internacional da Amazônia (FIAM 2011), que acontecerá de 26 a 29 de outubro, no Studio 5 – Centro de Convenções, em Manaus, e terá como tema “Amazônia e você, o encontro é aqui”.

Uma das grandes expectativas para esta edição do evento é o ciclo de atividades voltadas à promoção dos produtos orgânicos regionais, que inclui o lançamento da Amazoncerti, primeira empresa certificadora da Região Norte; o espaço destinado exclusivamente à exposição dos produtos orgânicos e naturais da Amazônia; e o seminário “Produção Orgânica: Organização produtiva versus Perspectiva de Negócios na Amazônia”.

A Feira também apresenta em sua programação o Salão de Empreendedorismo Inovador, a jornada de seminários com temas estratégicos para o desenvolvimento regional e que visam difundir conhecimentos gerais sobre a Amazônia, bem como gerar subsídios para a orientação de políticas públicas; e o Pavilhão Amazônia - espaço destinado à exposição e comercialização de produtos da região.

Para esta edição, a expectativa é que aproximadamente 400 expositores participem do evento. Dos 140 estandes que serão disponibilizados, aproximadamente 80% já foram comercializados e os outros 20% estão em fase de negociação.