Você está aqui: Página Inicial > Notícias > SUFRAMA lidera missão empresarial ao Chile

Notícias

SUFRAMA lidera missão empresarial ao Chile

O objetivo é identificar as oportunidades de negócios entre o Chile e os Estados da Amazônia Ocidental e Amapá, além de incrementar o fluxo comercial já existente com o Pólo Industrial de Manaus.
publicado: 14/05/2009 00h00 última modificação: 01/07/2016 18h08

A Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), em apoio à Embaixada do Brasil no Chile e à Câmara Chileno-Brasileira de Comércio, lidera missão governamental e empresarial à capital chilena, Santiago, nos dias 25 e 26 de maio. O objetivo é identificar as oportunidades de negócios entre o Chile e os Estados da Amazônia Ocidental e Amapá, além de incrementar o fluxo comercial já existente com o Pólo Industrial de Manaus (PIM).

Segundo a coordenadora-geral de comércio exterior da SUFRAMA, Gracilene Belota, “os produtos da Zona Franca de Manaus, que hoje já acessam o mercado chileno sem as preferências tarifárias do Acordo Mercosul-Chile, deverão ganhar competitividade com a inserção de produtos originários de zonas francas nesse acordo. Além disso há possibilidade de diversificar a pauta de exportações, uma vez que esta missão proporcionará condições para estudar melhor o ambiente para um canal de negócios. Esta é uma oportunidade ímpar para avaliar o potencial do mercado chileno, tanto na área industrial, quanto nas áreas de comércio e serviços.”

Durante a missão governamental e empresarial serão realizados seminários e palestras que apresentarão as oportunidades de negócios oferecidas pelo mercado chileno. Na ocasião, também será ministrada uma palestra sobre o modelo Zona Franca de Manaus, as áreas de incentivo e os produtos fabricados no PIM. A embaixada chilena está organizando uma programação que inclui encontros de oportunidades comerciais entre empresários brasileiros e chilenos e ainda visita opcional à Zona Franca de Iquique, localizada na região Norte do País.

Técnicos do Centro de Biotecnologia da Amazônia, que integram a missão, irão aproveitar a oportunidade para manter contato com a Fundação Chile, Universidade Católica e Fundo de Fomento ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico, instituições que desenvolvem reconhecido trabalho nas áreas de ciência, tecnologia e inovação.

A iniciativa deverá contar com a participação de órgãos governamentais de promoção comercial e do setor de turismo, bem como de entidades representativas do setor produtivo dos estados da área de atuação da SUFRAMA.

Ao participar de missões governamentais e empresariais, a SUFRAMA promove o modelo ZFM e atrai investimentos para a Amazônia Ocidental (Amazonas, Acre, Roraima e Rondônia) e Área de Livre Comércio de Macapá e Santana, no Amapá. Na ocasião, também será divulgada a quinta edição da Feira Internacional da Amazônia (FIAM 2009), que acontecerá de 25 a 28 de novembro, no Studio 5 - Centro de Convenções, em Manaus.

Balança Comercial
A balança comercial entre o Amazonas e o Chile mostra que o estado exportou, de janeiro a abril de 2009, US$ 3,74 milhões contra US$ 2,07 milhões de importações. Os produtos mais exportados são motocicletas de 125 a 500 cilindradas, terminais portáteis de telefonia celular, aparelhos de barbear, papéis e filmes fotográficos, extratos, essências, concentrados e preparos para chás. Entre os principais produtos importados destacam-se: prata em formas brutas, vinhos, leveduras e ácido tartárico.

Outros Estados que mantêm comércio com o Chile são Amapá e Rondônia. No período de janeiro a abril Rondônia exportou US$ 143,43 mil. O Amapá, nesse mesmo período, importou US$ 464,61 mil em esferas forjadas estampadas de ferro e aço para moinhos.