Você está aqui: Página Inicial > Notícias > SUFRAMA participa do lançamento das pesquisas setoriais do IBGE no AM em 2017

Notícias

SUFRAMA participa do lançamento das pesquisas setoriais do IBGE no AM em 2017

As informações a serem coletadas são referentes ao ano base de 2016 nas áreas da Indústria; Indústria da Construção; Comércio; e Serviços.
por Layana Rios publicado: 20/04/2017 13h15 última modificação: 20/04/2017 14h28

Técnicos da Coordenação Geral de Estudos Econômicos e Empresariais da SUFRAMA prestigiaram, nesta quinta-feira (20), na sede da Moto Honda da Amazônia, o evento de lançamento dos trabalhos de coleta 2017 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no Amazonas para as pesquisas anuais da Indústria; Indústria da Construção; Comércio; e Serviços.

As informações a serem coletadas são referentes ao ano base de 2016, como dados cadastrais, receitas, despesas, salários e pessoal ocupado. Segundo informações do chefe da unidade Estadual do IBGE no Amazonas, José Ilcleson, as empresas são pré-selecionadas pelo IBGE para responder ao questionário com base no faturamento de 2016 e número de pessoas ocupadas até dezembro do mesmo ano. A pesquisa no Amazonas será realizada com 610 empresas da Indústria, 429 empresas da Indústria da Construção, 1.049 do Comércio e 1.820 de Serviços. “As coletas vão até o mês de setembro e a divulgação dos resultados é prevista para junho de 2018”, afirmou Ilcleson.

Os dados da pesquisa compõem fonte de estatística que fornece aos órgãos governamentais e setor privado subsídios para o planejamento e tomada de decisões, além de fornecer às empresas, órgãos de pesquisa e usuários em geral elementos para a realização de estudos e indicadores destas atividades.

A presença da SUFRAMA no evento de lançamento da Pesquisa Anual do IBGE é uma demonstração da parceria existente entre as duas instituições, uma vez que a autarquia apoiou o lançamento das últimas pesquisas anuais realizadas e também tem colaborado com o instituto ao longo dos últimos anos em outras frentes de análise e apuração de indicadores econômicos e industriais na região. Isso inclui a participação institucional no grupo técnico que realiza a estimativa do PIB dos Estados e dos municípios da área de atuação da autarquia, que conta ainda com a atuação das secretarias de planejamento e de outros institutos de pesquisa e estatística estaduais.