Você está aqui: Página Inicial > Notícias > SUFRAMA realiza seminário sobre planejamento tributário para empresários do Acre

Notícias

SUFRAMA realiza seminário sobre planejamento tributário para empresários do Acre

Técnicos da autarquia apresentaram workshop para 120 pessoas, entre empresários, consultores e representantes de entidades de classe, na sede da Fieac
por Layana Rios publicado: 20/02/2019 18h10 última modificação: 20/02/2019 18h10

Uma equipe de técnicos da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) realizou um seminário sobre engenharia e planejamento tributário dos incentivos fiscais administrados pela SUFRAMA no Acre. O evento, que contou com a participação de aproximadamente 120 pessoas, entre empresários, consultores e representantes de entidades de classe do Estado, ocorreu nesta quarta-feira (20), na sede da Federação das Indústrias do Estado do Acre (Fieac), em Rio Branco.  

O objetivo foi capacitar empresários e profissionais sobre os diversos incentivos fiscais existentes que permitem a redução de tributos federais, estaduais ou municipais, envolvendo as opções de lucro real e presumido, cumulatividade e não cumulatividade.

O presidente da Fieac, José Adriano, agradeceu a equipe da SUFRAMA pela parceria para o evento e ressaltou a importância de a nova gestão atuar em prol de toda a região amazônica e não apenas no estado do Amazonas, onde está o Polo Industrial de Manaus. “Nós empresários precisamos ter informações, mas precisamos também realizar negócios. Temos uma boa parceria com a SUFRAMA aqui no Estado e precisamos dar impulso à Zona Franca Verde e resolver os problemas que temos nas Áreas de Livre Comércio”, afirmou.

A coordenadora geral de Estudos Econômicos e Empresariais da Autarquia, Ana Souza, deu início aos trabalhos com palestra sobre a compatibilidade e a viabilidade entre regimes tributários e incentivos fiscais administrados pela SUFRAMA no Acre. “Para fazer o planejamento tributário é necessário primeiramente saber quais são os incentivos disponíveis na região“, afirmou.

Em seguida, o coordenador geral de Planejamento e Programação Orçamentária, substituto, Leonardo Perdiz, abordou mais detalhadamente os incentivos fiscais, passando pelo crédito tributário do IPI, PIS e Cofins para as Áreas de Livre Comércio (ALCs) e Amazônia Ocidental.

Pela tarde, o coordenador de Importação e Exportação da SUFRAMA, Ícaro Sevalho, falou sobre a operacionalização dos incentivos fiscais sobre a mercadoria estrangeira utilizando o regime das ALCs ou a Portaria no 300/1996, que trata da Amazônia Ocidental.

Finalizando o evento, o assessor da Superintendência Adjunta de Projetos, Claudino Lobo, discorreu sobre o roteiro básico para apresentação de projeto industrial de incentivo fiscal, destacando os aspectos técnicos e econômicos necessários.

registrado em: , , , ,