Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Superintendente busca gestão participativa com servidores

Notícias

Superintendente busca gestão participativa com servidores

Objetivo é fortalecer a autarquia e viabilizar soluções para potencializar o desenvolvimento não apenas do Polo Industrial de Manaus, mas de todas as áreas que são beneficiadas pela atuação da SUFRAMA.
por Diego Queiroz publicado: 17/11/2015 16h38 última modificação: 28/01/2016 12h10

Dando continuidade à meta de construir uma agenda de trabalho que envolva a interlocução com diversos segmentos da sociedade, incluindo entidades de classe, órgãos governamentais e servidores da SUFRAMA, a superintendente da Zona Franca de Manaus, Rebecca Garcia, reuniu-se na manhã desta terça-feira (17), na sede da autarquia, com aproximadamente 300 profissionais da instituição. O objetivo da reunião foi, principalmente, convidar os servidores a contribuir com uma gestão participativa que fortaleça a autarquia e viabilize soluções para potencializar o desenvolvimento não apenas do Polo Industrial de Manaus (PIM), mas de todas as áreas que são beneficiadas pela atuação da SUFRAMA.

Durante o encontro, a superintendente fez questão, inicialmente, de ressaltar a elevada qualificação técnica do quadro de servidores da SUFRAMA. “Tenho diversas experiências técnicas na minha trajetória profissional, mas vejo que essas experiências não são essenciais nesta função de superintendente, porque a SUFRAMA já tem técnicos competentes, em quantidade suficiente, para enfrentarmos qualquer desafio. Hoje faço parte dessa instituição e quero poder colaborar, com a participação de cada um de vocês, para que possamos juntos fortalecer a autarquia, tentando destravar todos os gargalos que nós sabemos que ela vive. É importante essa união”, afirmou Rebecca.

Ela também comentou sobre o pleito por melhorias salariais dos servidores da autarquia que, segundo ela, precisa ser defendido e discutido, em busca de soluções efetivas. “É uma demanda minha também, porque acho muito justo o que está sendo pedido. Já tive a oportunidade de uma primeira reunião de trabalho com o ministro Armando Monteiro (MDIC) e, nesta reunião, coloquei alguns pontos que são importantíssimos para o fortalecimento da instituição. Um dos pontos era justamente a questão de cargos e salários”, disse a superintendente.

Rebecca Garcia também aproveitou a ocasião para lembrar a importância da participação dos servidores na oitava edição da Feira Internacional da Amazônia (FIAM 2015), que começa nesta quarta-feira (18), no Studio 5 Centro de Convenções, e vai até o próximo sábado. “Queria que o primeiro encontro formal com os servidores fosse antes do início da FIAM, justamente para reforçar o convite e destacar a participação dos servidores e das suas famílias na feira, que tem uma importância muito grande para a região. Os servidores são protagonistas na realização desse evento e de todas as outras ações da autarquia”, complementou.

A superintendente disse também que, após a FIAM 2015, buscará realizar visitas individuais às diversas unidades da autarquia, incluindo as coordenações descentralizadas, para que os encontros sejam mais próximos e produtivos com toda a equipe de trabalho da instituição. “Teremos a oportunidade de visitar cada departamento e queremos também visitar as coordenações nos outros Estados, para que tenhamos uma noção clara do tamanho dessa instituição e de suas potencialidades, identificando o que podemos fortalecer nos Estados da Amazônia Ocidental e nas cidades de Macapá e Santana, no Amapá”, disse Rebecca. “É com esse intuito, esse espírito que chego nesta casa. Quero contribuir, não tenho intenção nenhuma de me perpetuar, mas eu quero deixar um legado que será construído com a participação de cada um e cada uma de vocês”, encerrou a superintendente.