Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Superintendente da SUFRAMA comemora faturamento recorde do PIM em janeiro

Notícias

Superintendente da SUFRAMA comemora faturamento recorde do PIM em janeiro

Flávia Grosso ainda fez avaliações otimistas sobre os resultados esperados do modelo Zona Franca de Manaus em 2010.
por Diego Queiroz publicado: 10/03/2010 00h00 última modificação: 09/05/2016 15h40

Em entrevista para a rádio CBN Manaus, na manhã desta quarta-feira (10), a superintendente da Zona Franca de Manaus, Flávia Grosso, comemorou o faturamento de US$ 2,311 bilhões do Polo Industrial de Manaus (PIM) em janeiro – o maior já registrado pelo polo no primeiro mês do ano – e fez avaliações otimistas sobre os resultados esperados do modelo Zona Franca de Manaus em 2010.

Segundo a superintendente, diversos fatores contribuíram para o PIM alcançar o resultado histórico do mês de janeiro. Ela destacou a atuação do governador Eduardo Braga e do presidente Luis Inácio Lula da Silva principalmente durante o período da crise econômica, quando negociaram e definiram medidas que ajudaram a resguardar investimentos e empregos no polo, mediante ações como a redução das alíquotas do ICMS e do Pis e do Cofins para o setor de Duas Rodas. “Outros fatores como modificações em Processos Produtivos Básicos e o aumento das alíquotas do imposto de importação para alguns produtos que concorrem com itens do PIM foram fundamentais para que o polo conseguisse superar a crise e estivesse preparado para a recuperação. O trabalho conjunto do governador, do presidente e de toda a sociedade foi o que nos possibilitou chegar a mais esse recorde”, afirmou Flávia Grosso.

Ela disse ainda que a expectativa é que o PIM volte a apresentar em 2010 um faturamento global acima dos US$ 30 bilhões, o que se aproximaria do faturamento obtido no ano de 2008, de US$ 30,1 bilhões. Quanto à geração de empregos, ela também demonstrou otimismo. “Já retomamos ao patamar de ocupação de antes da crise econômica e vamos continuar crescendo, porque somente agora no mês de março deveremos aprovar 50 novos projetos industriais, dos quais 20 são projetos de empresas novas que vão se implantar no PIM, numa demonstração de que acreditam no modelo, na política do presidente Lula e do governador Eduardo Braga”, completou a superintendente.

registrado em: , ,