Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Thomaz Nogueira destaca participação positiva da SUFRAMA na Rio+20

Notícias

Thomaz Nogueira destaca participação positiva da SUFRAMA na Rio+20

A Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20) deu oportunidade à autarquia para participar de forma mais efetiva das discussões que norteiam o desenvolvimento sustentável.
publicado: 29/06/2012 00h00 última modificação: 18/03/2016 16h36

A Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20) deu oportunidade à SUFRAMA para participar de forma mais efetiva das discussões que norteiam o desenvolvimento sustentável, apresentando em parceria com o INPA, ao segmento empresarial, aos Governos dos Estados da Amazônia Brasileira e à sociedade civil, proposta de um plano integrado para o desenvolvimento produtivo da Amazônia, em bases sustentáveis, com a aplicação de tecnologias e inovações aos produtos da geodiversidade amazônica para seus aproveitamentos, com agregação de valor local, visando suas inserções em processos de comercialização em mercados local, regional e de abrangência ampla ou global.

Esse é um dos resultados concretos da participação da autarquia na Rio+20, na avaliação feita pelo superintendente da Zona Franca de Manaus, Thomaz Nogueira, ao retomar suas atividades em Manaus, depois de participar de extensa programação durante a Rio+20, evento realizado no período de 13 a 22 de junho, na cidade do Rio de Janeiro.

Nogueira destacou que a proposta apresentada pela autarquia em conjunto com o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) foi muito bem recebida pelo público formado por representantes dos governos dos estados que integram a área de atuação da SUFRAMA – Amazonas, Acre, Rondônia, Roraima e Amapá -, além de pesquisadores, empresários, e ambientalistas. “Nossa proposta central é integrar o conhecimento científico sobre a biodiversidade amazônica, aproveitando a imensa propriedade do INPA nesse tema, e, a partir da inovação, gerar conteúdos nos processos produtivos locais”, complementou.

O superintendente da SUFRAMA disse ainda que a Rio+20 apresentou-se como um momento propício para a identificação de inovações tecnológicas que servirão como referência para a prospecção de novos negócios e serviços com soluções sustentáveis para a região.”Fizemos contato com várias empresas que fabricam produtos ou prestam serviços na área ambiental, com o objetivo de identificar oportunidades para atração de novos investimentos”, afirmou.

Nogueira também comentou a contribuição da autarquia para a edição do texto final do Pacto da Amazônia ao inserir os aspectos econômico, industrial e de política de incentivos e financiamentos como temas de extrema relevância à discussão sobre sustentabilidade, afirmando que a inclusão desses setores nas discussões que geraram o documento é de grande importância para a região na qual onde está instalado o Polo Industrial de Manaus (PIM). Para o superintendente, o Pacto da Amazônia, aliado à Carta dos Governadores, pode sinalizar novos passos a serem dados na busca pela sustentabilidade na região, baseada nos três pilares que norteiam o desenvolvimento sustentável: o social, o econômico e o ambiental. “É fundamental ressaltar que esses documentos apresentam os anseios de quem vive na região. Muitas vezes a preocupação global para com a Amazônia não reflete a realidade e as ansiedades dos seus 25 milhões de habitantes, e a Amazônia está mostrando, a partir da fala de seus principais atores, que pode ter uma proposta de sustentabilidade”, concluiu.

Outro ponto relevante, segundo o coordenador da programação da SUFRAMA na Rio+20, Elilde Menezes, foi a atuação de técnicos da SUFRAMA nos estandes dos estados da Amazônia, no Parque dos Atletas, e nos estandes do INPA no Píer Mauá. “Os técnicos prestaram atendimento ao público interessado em conhecer melhor as ações da SUFRAMA e participaram de palestras sobre temas estratégicos como turismo sustentável, recuperação de matas ciliares, economia verde na ótica dos serviços ambientais, energia eólica, bioenergia, integração lavoura, pecuária e floresta, benefícios da biotecnologia na agricultura”. Ele destacou ainda as participações na conferência internacional “Financiando a Economia Verde e o Desenvolvimento Sustentável”, evento realizado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES), que integrou a programação em comemoração aos 60 anos da instituição, e no “Encontro da Indústria para a Sustentabilidade”, promovido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Menezes acrescentou que a proposta de um plano de interação de ações SUFRAMA/INPA estará, necessariamente, alicerçada em propostas e apoios recolhidos junto aos estados de suas áreas de atuação, a partir de seminários que foram realizados, cujas informações e propostas levantadas serão aprofundadas no curso da elaboração do plano de ações a ser implementado.

A agenda da SUFRAMA na Rio+20 inclui a distribuição de material institucional e apresentação de vídeos institucionais com ênfase na contribuição do Polo Industrial de Manaus (PIM) para a conservação de 98% da camada florestal no Estado do Amazonas e nas ações da SUFRAMA voltadas para a elaboração de um plano diretor para gestão de resíduos sólidos no PIM, além da apresentação de quatro palestras (três no Parque dos Atletas - Pavilhão Brasil, Pavilhão da Amazônia Brasileira, e estande do CNO – Comitê Nacional de Organização, e uma no Píer Mauá, na área portuária do Centro do Rio de Janeiro, no estande da CNI).

Os temas abordados pelo superintendente da SUFRAMA em suas apresentações durante a Rio+20, foram: “Tratamento de Resíduos Sólidos no PIM – Cooperação Japão/Brasil”, no seminário “Inovação, Competitividade e Sustentabilidade no Sistema MDIC”, organizado pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), e “Interação SUFRAMA/INPA – Desenvolvimento Produtivo Sustentável na Amazônia - Ciência, Tecnologia & Inovação, sob o ideário da Economia Verde, Bases de um plano integrado”, nas apresentações realizadas nos auditórios do estande da CNI e do Pavilhão da Amazônia Brasileira. A participação da SUFRAMA na Rio+20 encerrou-se com a palestra de Thomaz Nogueira no “Painel sobre o desenvolvimento sustentável da Amazônia”, ocorrido no auditório do CNO, no Parque dos Atletas.

A SUFRAMA também criou um hotsite exclusivo sobre a Rio+20 que pode ser acessado na página eletrônica da autarquia no link: http://www.suframa.gov.br/riomais20, com o objetivo de disponibilizar o material referente à participação da autarquia no evento, além de informações adicionais relativas às ações da autarquia voltadas para o desenvolvimento sustentável na sua área de atuação (estados do Amazonas, Acre, Rondônia, Roraima e Amapá).