Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Vistoria de cargas é otimizada na ALC de Guajará-Mirim

Notícias

Vistoria de cargas é otimizada na ALC de Guajará-Mirim

Expectativa é de que a medida torne ainda mais eficiente todo o procedimento realizado pela SUFRAMA e aumente a segurança no controle de entrada de mercadorias pela região, além de otimizar os serviços de fiscalização em Rondônia.
por Márcio Gallo publicado: 07/02/2014 14h55 última modificação: 15/02/2016 17h48

Com vistas a agilizar o processo de vistoria de cargas na Área de Livre Comércio (ALC) de Guajará-Mirim, em Rondônia, a Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) passará, a partir do dia 15 de fevereiro, a realizar o procedimento nos pátios das próprias empresas da região. A expectativa é de que a medida torne ainda mais eficiente todo o procedimento realizado pela SUFRAMA e aumente a segurança no controle de entrada de mercadorias pela região, além de otimizar os serviços de fiscalização no Estado.

Segundo o superintendente adjunto de Operações da autarquia, Adilson Vieira, “a partir desta alteração, será possível realizar vistorias de forma ainda mais eficiente, sendo ainda mais efetiva esta ação realizada pelos servidores da autarquia e possibilitando atender a um número cada vez maior de empresas que estejam usufruindo dos incentivos fiscais administrados pela SUFRAMA naquela localidade”.

Outro efeito positivo da medida é a redução de custos às empresas, que não precisarão mais deslocar os veículos contendo as cargas até o local onde atualmente é realizado o procedimento de vistoria. A decisão também possibilitará a diminuição do tempo necessário para realização do processo de verificação de cargas feito por técnicos da autarquia e deve melhorar o tráfego de veículos pesados na região.

O Sistema de Parametrização de Vistorias a ser utilizado – pelo qual a constatação do ingresso da mercadoria é realizada com base em parâmetros de análise técnica – será o chamado Canal Cinza, que analisa a documentação e verifica fisicamente 100% da mercadoria, além de promover outros procedimentos de análise e controle pela SUFRAMA, quando necessário.